Fotos

17 divórcios milionários dos ricos e famosos

Brad Pitt e Angelina Jolie anunciaram o fim do relacionamento de mais de uma década. O casal preferido de Hollywood, que teria começado a se relacionar em 2004, quando os dois protagonizaram “Sr. e Sra. Smith” e ele ainda era casado com Jennifer Aniston, tem seis filhos, três adotivos e três biológicos.

Separações entre famosos geralmente geram comoção pública, como foi o caso recente dos apresentadores William Bonner e Fátima Bernardes, mas muitas vezes vão muito além disso: chegam aos milhões de dólares. Figuras conhecidas passaram por episódios parecidos, como Paul McCartney, Michael Jordan e Madonna.

OUTRO LADO: 9 dos casais mais poderosos do mundo

Quando envolve um bilionário, então, os acordos de separação podem atingir os nove dígitos. Um bilionário chinês está prestes a fechar um dos acordos de divórcio mais caros de seu país de todos os tempos. Zhou Yahui, que comprou uma participação no aplicativo de encontros Grindr no início deste ano, concordou em transferir 278 milhões de ações de sua empresa de jogos on-line Beijing Kunlun Tech para a ex-esposa Li Qiong, segundo os registros da Bolsa de Valores chinesa. As ações valem 7,3 bilhões de yuans (o equivalente a US$ 1,1 bilhão), com base na cotação do yuan da última quarta-feira (14).

RANKING: 70 maiores bilionários do Brasil em 2016

O caso de Zhou Yahui, claro, não é o primeiro e nem o mais caro no mundo dos bilionários. Alguns dos homens e mulheres mais ricos do mundo já passaram por separação que lhes custaram alguns bilhões de dólares. Entre eles há nomes conhecidos, como Steve e Elaine Wynn, fundadores da rede Wynn Resort, e Roman e Irina Abramovich, responsáveis por um dos divórcios mais caros do Reino Unido, onde moravam.

RANKING GERAL: 70 maiores bilionários do mundo em 2016

Veja na galeria de fotos 17 divórcios milionários dos ricos e famosos:

  • Paul McCartney e Heather Mills

    Valor: US$ 48,6 milhões em 2008

    Em 2002, Paul McCartney e Heather Mills celebraram sua união em uma cerimônia de US$ 3,2 milhões na Irlanda. Juntos, eles tiveram Beatrice, hoje com 11 anos. Seis anos depois do casamento, a relação terminou em um divórcio de US$ 48,6 milhões.

  • Dmitry Rybolovlev e Elena Rybolovleva

    Valor: US$ 4,5 bilhões em 2014

    Em 2008, depois de 21 anos de união, Elena Rybolovleva pediu o divórcio do seu marido, o bilionário russo Dmitry Rybolovlev, por causa de supostas traições. Depois de um longo processo, em maio de 2014, a justiça determinou o pagamento de US$ 4,5 bilhões do dono do AS Mônaco à ex-esposa.

    Dmitry, no entanto, não tem muito o que reclamar: hoje, sua fortuna está estimada em US$ 7,8 bilhões. Elena não aparece na lista.

  • Michael Douglas e Diandra Luker

    Valor: US$ 45 milhões em 2000

    Em 1995, depois de 18 anos de casamento, o ator Michael Douglas e a produtora cinematográfica Diandra Luker resolveram terminar a relação informalmente. Cinco anos depois, no entanto, o pedido oficial de divórcio, vindo de Luker, custaria US$ 45 milhões ao ganhador do Oscar.

    Em agosto deste ano, o filho do casal, Cameron Douglas, foi solto da prisão depois de cumprir uma pena de sete anos por porte e venda de anfetamina e heroína.

  • Rupert Murdoch e Anna Mann

    Valor: US$ 1,7 bilhão em 1999

    Rupert Murdoch separou-se da sua segunda esposa, Anna Mann, depois de 32 anos de casados. A acordo, estabelecido na Califórnia, foi anunciado em US$ 1,7 bilhão para Anna, mãe de três filhos do bilionário.

    Em novembro de 2013, Murdoch separou-se da sua terceira esposa, Wendi Deng. Esta, no entanto, foi um pouco mais amistosa: ela ficou com o apartamento em Nova York e ele, com a casa na Califórnia. Atualmente, o todo poderoso da News Corp. tem uma fortuna estimada em US$ 11,1 bilhões.

  • Michael Jordan e Juanita Vanoy

    Valor: US$ 168 milhões em 2006

    Um acordo após o casamento em 1989 garantiu a Juanita Vanoy que seu marido, hoje bilionário Michael Jordan, em caso de separação, pagasse US$ 28 milhões por cada título da NBA que ele ganhasse. Em 2006, o acordo foi posto em prática e seu origem a um divórcio de US$ 168 milhões.

  • Madonna e Guy Ritchie

    Valor: não revelado oficialmente

    O casamento de Madonna e Guy Ritchie durou pouco: poucos meses de 2008, um juiz inglês decidiu conceder guarda compartilhada de Rocco, filho biológico do casal, e de David, adotado no Malawi em 2006.

  • Harold Hamm e Sue Ann Arnall

    Valor: US$ 974,8 milhões em 2015

    O magnata do petróleo Harold Hamm passou por um complicado processo com sua ex-esposa Sue Ann no ano passado. Ele chegou a escrever um cheque no valor exato de US$ 974.790.371,77. Ela recusou por considerar sua fortuna bilionária. Depois de uma semana, no entanto, ela transferiu a quantia.

    Apesar de não terem acordo pré-nupcial, a quantia quase bilionária deu-se graças aos 26 anos de vida conjunta do casal, que inclui, inclusive, o crescimento da fortuna de Harold, estimada, hoje, em US$ 13,4 bilhões.

  • Roman e Irina Abramovich

    Valor: £ 1 bilhão em 2007

    Irina Abramovich separou-se do magnata e bilionário russo Roman, com quem tem quatro filhos, depois que um tabloide inglês publicou a foto do dono do Chelsea com Dasha Zhukova, fundadora do museu Garage Museum of Contemporary Art, em Moscou.

    Houve relatos de que Irina falou que ele teria de escolher. Roman ficou com Zhukova, com quem é casado até hoje. O divórcio foi fechado em £ 1 bilhão, além de quatro propriedades milionárias no Reino Unido e na Rússia.

    Atualmente, Abramovich tem a fortuna estimada em US$ 8,1 bilhões.

  • Alec e Jocelyne Wildenstein

    Valor: US$ 2,5 bilhões em 1999

    Em 1999, a separação entre Alec e Jocelyne Wildenstein (foto) agitou a alta sociedade norte-americana. Depois de 21 anos de casados e 35 de relacionamento, a socialite pegou o conhecido colecionador de artes com a amante na cama. A fortuna da família na época estava estimada em US$ 5 bilhões. O divórcio: US$ 2,5 bilhões para cada.

    Atualmente, nenhum dos dois aparecem na lista de bilionários de FORBES.

  • Arnold Schwarzenegger e Maria Shriver

    Valor: entre US$ 250 milhões e US$ 375 milhões em 2011

    Apesar de só ter ido a público em 2011, o divórcio de Arnold Schwarzenegger e Maria Shriver começou pelo menos dois anos antes, quando o ator admitiu ter tido um filho com uma das funcionárias que cuidava da mansão do casal na Califórnia.

    Schwarzenegger foi obrigado pela justiça norte-americana a dividir a metade de sua fortuna, na época estimada entre US$ 500 milhões e US$ 750 milhões, com a ex-esposa.

  • Bernie Ecclestone e Slavica Radic

    Valor: US$ 1 bilhão em 2009

    Quando Bernie Ecclestone casou-se com a modelo croata Slavica Radic, 28 anos mais nova, o casal tornou-se um dos mais badalados da elite europeia. Davam festas em Mônaco, na Itália, na Inglaterra e em iates no Mediterrâneo. A união durou 24 anos e deu fruto a duas filhas.

    Em 2009, o divórcio ficou estabelecido em cerca de US$ 1 bilhão, se consideradas todas as propriedades e bens divididos.

    Hoje, a fortuna do todo poderoso da Fórmula 1 está estimada em US$ 3 bilhões.

  • Steve e Elaine Wynn

    Valor: US$ 741 milhões em 2010

    Em março de 2010, os donos de uma das maiores redes de hotéis do mundo, Steve e Elaine Wynn, que leva o sobrenome do casal, separaram-se depois de uma união de 19 anos. À época, o acordo foi fechado em US$ 741 milhões em ações da rede, da qual Steve era presidente e Elaine, membra do conselho.

    Hoje, ambos estão na lista de bilionários de FORBES. Steve, maior acionista da Wynn Resorts, com US$ 2,7 bilhões, e Elaine, segunda maior acionista, com US$ 1,9 bilhão.

  • James Cameron e Linda Hamilton

    Valor: US$ 50 milhões em 1999

    Em 1990, durante as filmagens do segundo “Exterminador do Futuro”, a atriz Linda Hamilton e o diretor James Cameron engataram um romance que acabou em casamento em 1997. Os dois tiveram uma filha em 1993 e se separaram em 1999.

  • Phil Collins e Orianne Cevey

    Valor: US$ 46 milhões em 2008

    O cantor Phil Collins e a empresária Orianne Cevey se casaram em uma cerimônia na Suíça em 1999. Sete anos depois, eles resolveram terminar a relação, o que deu início ao processo de divórcio de US$ 46 milhões em 2008.

    No início deste ano, no entanto, o jornal britânico “The Guardian” noticiou que ela e o cantor de 64 anos estariam planejando se casar novamente.

  • Craig e Wendy McCaw

    Valor: US$ 460 milhões em 1998

    O empresário fundador da rede de telecomunicações McCaw Cellular, vendida para a gigante AT&T por US$ 12 bilhões, separou-se da mulher, Wendy, em 1998. O divórcio ficou estabelecido em US$ 460 milhões.

    Atualmente, o norte-americano tem uma fortuna estimada em US$ 1,7 bilhão.

  • Mel Gibson e Robyn Gibson

    Valor: US$ 425 milhões em 2011

    Um dos divórcios mais caros do mundo das celebridades foi a separação de Mel Gibson e Robyn Gibson, casados há 31 anos. Depois de dois anos de processos, a corte norte-americana decidiu obrigar o ator a pagar metade de sua fortuna, estimada na época em US$ 850 milhões.

    O fim do relacionamento veio depois do vazamento de fotos de Mel Gibson com a cantora russa Oksana Grigorieva.

  • Zhou Yahui e Li Qiong

    Valor: US$ 1,1 bilhão em 2016

    Um bilionário chinês está prestes a fechar um dos acordos de divórcio mais caros de seu país de todos os tempos. Zhou Yahui (foto), que comprou uma participação no aplicativo de encontros Grindr no início deste ano, concordou em transferir 278 milhões de ações de sua empresa de jogos on-line Beijing Kunlun Tech para Li Qiong, segundo os registros da Bolsa de Valores chinesa. As ações valem 7,3 bilhões de yuans (o equivalente a US$ 1,1 bilhão), com base na cotação do yuan de ontem (14).

Paul McCartney e Heather Mills

Valor: US$ 48,6 milhões em 2008

Em 2002, Paul McCartney e Heather Mills celebraram sua união em uma cerimônia de US$ 3,2 milhões na Irlanda. Juntos, eles tiveram Beatrice, hoje com 11 anos. Seis anos depois do casamento, a relação terminou em um divórcio de US$ 48,6 milhões.

Comentários
Topo