Carreira

3 coisas que você já deveria ter começado a dizer “não”

Nem sempre é possível fazer tudo que as pessoas esperam de você. Aprender a dizer “não” pode salvá-lo de muitas situações constrangedoras ou prejudiciais à saúde.

Os millennials, famosa Geração Y, têm a vantagem de não se sentirem tão amedrontados quanto seus pais em dizer não ao que não têm vontade de fazer.

VEJA MAIS: 6 segredos imperdíveis sobre empreendedorismo

Às vezes, no entanto, eles precisam superar alguns obstáculos para conseguirem se livrar de uma situação no trabalho. Veja três dicas de como perder o medo de dizer “não” na galeria de fotos:

  • Diga “não” ao que você não sabe fazer

    Em qualquer carreira que você vá seguir, chegará um momento em que não saberá responder a certas perguntas. É normal não saber de tudo e é bem provável que você tenha muitas dúvidas até o final da carreira, e admitir isso pode ser bem libertador.

    Só quando você entender que não é possível saber tudo que terá mais facilidade em dizer “não” para certas coisas. Isso não quer dizer que você precise ficar preso na sua zona de conforto, mas que você não se acha apto para responder um questionamento ao qual você não tem a resposta certa.

    É uma questão de humildade admitir que você não sabe resolver uma determinada tarefa. Em um espaço de trabalho saudável, alguém pode se oferecer para ajudá-lo ou até mesmo para fazer por você.

  • Diga “não” à perda de tempo

    Independentemente do que tentamos acreditar, o trabalho é algo que serve puramente para ganhar dinheiro para comprar coisas que queremos e precisamos. Os millennials, no entanto, tem um desafio único: eliminar todas as atividades supérfluas que não são rentáveis.

    Isso porque essa geração está muito mais acostumada a serem os próprios chefes, trabalhando como freelancers ou na própria companhia. Nessas categorias de trabalho, toda atividade que demanda muito tempo e traz poucos resultados precisa ser eliminada, como muitas reuniões presenciais com fornecedores ou clientes.

    Não é preciso ter medo de dizer “não” para situações que irão consumir o seu tempo produtivo.

  • De vez em quando, diga “não” ao trabalho

    Essa é uma das partes mais importantes de se aprender a dizer “não”. A nova geração de trabalhadores provavelmente irá se aposentar muito depois de seus pais. Isso quer dizer que o trabalho fará parte de mais da metade de suas vidas. Sendo assim, não há como ocupar-se com coisas que estressam demais ou que o privam de qualidade de vida.

    Aprender a dizer “não” ao trabalho é muito importante para que você tenha energia para trabalhar. Apesar de a ideia parecer paradoxal, é justamente o seu tempo de descanso que fará com que você retorne mais produtivo.

Diga “não” ao que você não sabe fazer

Em qualquer carreira que você vá seguir, chegará um momento em que não saberá responder a certas perguntas. É normal não saber de tudo e é bem provável que você tenha muitas dúvidas até o final da carreira, e admitir isso pode ser bem libertador.

Só quando você entender que não é possível saber tudo que terá mais facilidade em dizer “não” para certas coisas. Isso não quer dizer que você precise ficar preso na sua zona de conforto, mas que você não se acha apto para responder um questionamento ao qual você não tem a resposta certa.

É uma questão de humildade admitir que você não sabe resolver uma determinada tarefa. Em um espaço de trabalho saudável, alguém pode se oferecer para ajudá-lo ou até mesmo para fazer por você.

Comentários
Topo