Carreira

3 situações em que um currículo tradicional não funciona

Se você está procurando um novo emprego numa nova área, é provável que a sua maior preocupação seja a falta de experiência, e isso é extremamente comum. O termo “job-for-life”, ou seja, o trabalho que você vai ficar a vida inteira, é algo que não existe nos dias atuais, pois muitos não mudam apenas de companhias, mas também entre diferentes tipos de indústrias.

SAIBA MAIS: 7 maneiras de procurar emprego

Quando você considera que as contratações são baseadas nas reais habilidades do candidato, e não em cargos, você consegue ver uma tendência emergente. A contratação de gerentes, por exemplo, exige pessoas que acompanhem o ritmo de mudanças de tecnologias e das plataformas, e isso se torna mais importante do que cargos. No fim, o mais importante é o que você é capaz de fazer.

VEJA TAMBÉM: 5 segredos para ter uma entrevista de emprego bem sucedida

Seu currículo não é apenas um documento onde você só enumera suas experiências profissionais tradicionais, é onde você pode mostrar suas habilidades. Lembre-se, um bom currículo responde à perguntas como “o que essa pessoa pode fazer por mim?” e “quais problemas ela pode resolver?”.

Veja na galeria de fotos 3 situações que acontecem na vida e saiba o que fazer nessas ocasiões:

  • Você se formou recentemente e está procurando o primeiro emprego

    Há dois tipos de experiências que os recém-formados podem ter: a experiência de estágio e a experiência empresarial. A primeira é bem óbvia, mas a última costuma confundir as pessoas, especialmente se você não se considera um grande empreendedor.

    Tenha em mente que todas as suas experiências contam, desde que sejam positivas e que tenham acrescentado algo a você. Uma das coisas mais difíceis do mundo é empreender. Construir um empreendimento enquanto você ainda está estudando é algo realmente impressionante. Não importa a dimensão do projeto, se você realizou algo que tenha conexão com o empreendedorismo, não deixe de pontuar isso no seu currículo. Todos os seus esforços e toda a sua dedicação mostram sua responsabilidade e organização.

  • Você quer mudar de carreira

    Muitas vezes as pessoas se sentem inseguras de mudar de carreira porque já possuem um emprego “seguro” o suficiente para seu conforto. Entretanto, muitos nessa situação têm vontade de fazer algo que eles realmente gostem.

    Muitas pessoas querem mudar para uma profissão em que eles se sintam confortáveis e que sejam mais autênticos, usando suas habilidades mais genuínas.

    Resuma seus melhores talentos no seu currículo, e isso dará muitas vantagens a você. Pergunte-se quais lugares podem se beneficiar com essa habilidade, quais os problemas que você já solucionou para você mesmo ou para alguém usando essa sua característica e quanto tempo você desenvolve essa qualidade, entre outras questões que irão te ajudar. Lembre-se, não é necessário ligar suas habilidades à uma indústria específica. Identificar uma qualidade que seja mais global é algo que será muito útil.

  • Você está se dedicando a uma nova área

    Daqui 10 anos, haverá inúmeras carreiras que não existem atualmente. Os empreendedores estão cada vez mais atentos às mudanças de cenários e as pessoas estão procurando por pessoas que possuem a habilidade de descobrir áreas por conta própria. Portanto, sempre tente ser autodidata.

    Muitas pessoas possuem habilidades que estão se atrofiando porque o uso delas é quase nulo. Entretanto, aprender no seu trabalho é o melhor meio de ganhar mais experiência. As pessoas querem funcionários que saibam a teoria e a prática também.

    Tradicionalmente, a cronologia reversa dos currículos têm sido uma chave para a maioria das pessoas, mas com os avanços da tecnologia, mudanças nos cenários das contratações são necessárias. O mundo está mudando, e está na hora das pessoas darem os devidos créditos às suas habilidades e demonstrarem que a experiência coletiva importa mais do que um cargo.

    É o que você é capaz de fazer que realmente importa. Fazer dessas habilidades algo cristalizado na sua vida quando seus últimos cargos não oferecem a você uma boa oportunidade, não é algo apenas muito esperto, mas também um divisor de águas para o seu futuro.

Você se formou recentemente e está procurando o primeiro emprego

Há dois tipos de experiências que os recém-formados podem ter: a experiência de estágio e a experiência empresarial. A primeira é bem óbvia, mas a última costuma confundir as pessoas, especialmente se você não se considera um grande empreendedor.

Tenha em mente que todas as suas experiências contam, desde que sejam positivas e que tenham acrescentado algo a você. Uma das coisas mais difíceis do mundo é empreender. Construir um empreendimento enquanto você ainda está estudando é algo realmente impressionante. Não importa a dimensão do projeto, se você realizou algo que tenha conexão com o empreendedorismo, não deixe de pontuar isso no seu currículo. Todos os seus esforços e toda a sua dedicação mostram sua responsabilidade e organização.

Comentários
Topo