Fotos

5 marcas que sabem usar vídeos ao vivo como marketing

Marketing feito com vídeos ao vivo se tornou uma tendência na comunidade de propaganda online. Graças à introdução do Facebook Live, marcas estão trabalhando intensamente para produzir conteúdos interessantes para os usuários.

Mas o que torna um live bem sucedido e como as empresas o utilizam em seu benefício? É importante observar as táticas e estratégias de marcas que estão fazendo o uso correto.

VEJA TAMBÉM: 9 coisas que atrapalham a visualização de vídeos no seu site

Primeiramente, existe o recurso visual. O público geral tende a preferir conteúdo visual a conteúdo escrito, porque é uma forma mais básica de interação. Graças à velocidade mais rápida da internet e dispositivos móveis, é mais fácil do que nunca assistir vídeos.

Existe também o valor do momento. Os usuários das redes sociais também amam “ver ao vivo” e por isso a plataforma live funciona tão bem. Isto também provoca um feedback instantâneo, que adiciona um engajamento à experiência.

Se você ainda não tem certeza de como se aproveitar das vantagens de vídeos live, ou procura inspiração para sua própria campanha, veja na galeria na galeria de fotos exemplos de marketing live que deram certo:

  • Buzzfeed

    O Buzzfeed não vende produtos ou serviços como a maioria dos negócios, eles ganham dinheiro por meio de propagandas e se especializam em ganhar atenção com conteúdo, seja ele qual for.

    Esta foi a estratégia utilizada em um vídeo live que fizeram em abril, um exemplo do Facebook Live em ação. No vídeo, duas pessoas colocam ligas de borracha em uma melancia, uma por uma, para ver quantas seriam necessárias até que a melancia explodisse. O vídeo segue por quase 45 minutos e atraiu 807.000 visualizações. Por quê? Porque o Buzzfeed instigou a curiosidade dos seguidores e continuou segurando a tensão durante o vídeo.

  • Grazia UK.

    Em junho, a franquia britânica da revista italiana Grazia visitou a sede do Facebook em Londres para uma parceria colaborativa. Durante a semana de colaboração, a Grazia UK fez a transmissão ao vivo de vários eventos, para que os internautas se sentissem parte daquilo.

    O seu vídeo mais bem-sucedido foi um debate sobre o Brexit. Debates ao vivo são sempre populares, especialmente quando envolve participação da audiência e um tema polêmico. Neste caso, a empresa disponibilizou para o público a opção de fazer perguntas, pelas redes sociais.

  • Dunkin’ Donuts

    A empresa usa recursos visuais para vender seus produtos. É difícil recusar um cafézinho ou um donut quando se vê um. A marca se aproveitou disso na época do dia dos namorados com um vídeo live. Nele, a rede de donuts explora sua “cozinha de testes” para o público e mostra a criação de novos sabores. Depois, finaliza o vídeo com a criação de um grande bolo de casamento de donut. O vídeo atraiu cerca de 36.000 visualizações.

  • Tough Mudder

    A Tough Mudder é uma empresa de eventos que desafiam os participantes de diversas formas físicas, como maratonas com obstáculos. Em junho, a empresa fez um live de um evento de treinamento com o técnico T. Mud. Como a marca utiliza a participação física, esta foi uma ótima maneira de envolver pessoas e chamar a atenção de interessados, que podem se tornar futuros participantes. Durante o vídeo, foram feitas referências às descrições do evento, assim como propagandas dos programas de treinamento.

  • Tastemade

    Tastemade é uma marca que faz uso de vídeos de culinária. Um de seus vídeos live mais bem sucedidos foi uma série chamada “ Tiny Kitchen” que cozinhava comida em miniaturas. Os vídeos tiveram cerca de 3 milhões de visualizações.

Buzzfeed

O Buzzfeed não vende produtos ou serviços como a maioria dos negócios, eles ganham dinheiro por meio de propagandas e se especializam em ganhar atenção com conteúdo, seja ele qual for.

Esta foi a estratégia utilizada em um vídeo live que fizeram em abril, um exemplo do Facebook Live em ação. No vídeo, duas pessoas colocam ligas de borracha em uma melancia, uma por uma, para ver quantas seriam necessárias até que a melancia explodisse. O vídeo segue por quase 45 minutos e atraiu 807.000 visualizações. Por quê? Porque o Buzzfeed instigou a curiosidade dos seguidores e continuou segurando a tensão durante o vídeo.

Comentários
Topo