Fotos

Conheça 12 locações deslumbrantes de “Game of Thrones”

A aguardada nova temporada de “Game of Thrones” vai ao ar apenas no dia 16 de julho, mas, enquanto os novos episódios não estão disponíveis, é possível matar as saudades dos cenários deslumbrantes que foram palco das disputas pelo Trono de Ferro, símbolo do poder absoluto na série baseada nos livros de George R. R. Martin.

LEIA TAMBÉM: Designer de “Game of Thrones” lança coleção de joias inspirada na série

Veja, na galeria de fotos, 12 lugares que serviram de locação para as seis primeiras temporadas de “Game of Thrones”:

  • Bardenas (Espanha)

    O Parque Natural de las Bardenas Reales é um semi-deserto localizado no lado extremo oriental de Navarra. Cenas da 6a temporada da série foram gravadas por lá: Daenerys Targaryen atravessa, com seus súditos, o local. Os dragões, claro, foram acrescentados à cena depois, com a ajuda da computação gráfica. O lugar é muito seco. A paisagem foi modelada com o tempo, graças à ação do vento e da chuva.

  • Almeria (Espanha)

    Localizada na província de mesmo nome, a comunidade autônoma da Andaluzia também serviu de locação para a 6a temporada. Foi a terra dos Dothraki, uma tribo nômade que rodeia Daenerysdothraki. A Torre de Mesa Roldán, no Parque Natural do Cabo de Gata, ajudou a compor o cenário de Meereen, a cidade das pirâmides. O maior dos palácios construídos pelos árabes no país, o Alcabaza de Almeria, foi Lanza del Sol, a capital de Dorne, o reino da casa Martell, que já usou, em temporadas anteriores, outras regiões da Espanha para ganhar forma.

  • Essaouira (Marrocos)

    Ponto de encontro da comunidade hippie nos anos 1960, a cidade está localizada a oeste de Aït-Ben-Haddou e a cerca de 100 quilômetros a oeste de Marrakech. Com seu muro fortificado, serviu de cenário para ambientar Astapor, também conhecida como a Cidade Vermelha.

  • Aït-Ben-Haddou (Marrocos)

    Essa cidade fortificada (ksar), localizada a cerca de 100 quilômetros a oeste de Marrakech, foi transformada em Yunkai, a menor das três regiões da Baía dos Escravos, e em Pentos, a maior das Cidades Livres. Foi usada como palco para retratar o caminho de Daenerys pela Baía dos Escravos. O local já serviu de locação para filmes como “Lawrence da Arábia”, “A Múmia” e “Gladiador”.

  • Lagoa Jökulsárlón (Islândia)

    A lagoa glacial, também conhecida como a Lagoa dos Icebergs, começou a se formar em 1920 e, a cada ano que passa, está maior. Os blocos de gelo se desprendem da maior geleira da Europa, a Vantnajökull, constantemente, formando uma espécie de praia, com areias negras e icebergs encalhados. Enquanto as feras e os white walkers do lado norte da muralha te apavoram, esse cenário real de gelo com toda certeza fará você se sentir maravilhado com a beleza natural. Toda a área serve de cenário para um dos quatro continentes da saga, Westeros, a misteriosa terra de Além da Parede, lar de criaturas míticas.

  • Templo Mussenden (Irlanda do Norte)

    Quando Melisandre e Stannis Baratheon uniram forças para derrubar os deuses antigos, é bem provável que os espectadores tenham se distraído com a beleza da praia de areia dourada e relva de 11 quilômetros de extensão. É nela que fica o Templo Mussenden, construído para ser originalmente uma biblioteca de verão e instalado no topo de um penhasco, com vista para a costa do país.

  • Ballintoy (Irlanda do Norte)

    Fica entre a ponte de corda Carrick-a-Rede e a Calçada dos Gigantes, um dos locais mais visitados do país. Esta pitoresca vila e seu porto serviram de cenário para as cenas do surgimento da terra natal dos Greyjoy, na Ilha de Ferro.

  • Irlanda do Norte

    Com o cair do sol e a escuridão agravada pelas sombras das árvores, a personagem Arya Stark foge do Porto Real disfarçada de homem em cena gravada na Irlanda do Norte. É no país, aliás, que se passa grande parte dos conflitos da trama. Com média de 300 dias por ano de chuvas ou dias nublados, a Irlanda do Norte foi escolhida para representar Winterfell e outras regiões dos Sete Reinos.

  • Dubrovnik (Croácia)

    Localizada em uma península emoldurada por um penhasco, a cidade, cercada por espessas paredes de pedra, é, na ficção, Porto Real, local que se tornou bem familiar para os espectadores fanáticos da série.

  • Dubrovnik (Croácia)

    A cidade é um dos principais pontos de referência de Westeros e aparece na maioria dos episódios de Game of Thrones.

  • Parque Nacional Krka (Croácia)

    A exuberante reserva natural, com diversas cachoeiras e lagos, foi usada várias vezes nas filmagens para representar os Sete Reinos.

  • Stirlingshire (Escócia)

    A fortaleza Doune, construída no século 13 e reconstruída no século 14 pelo duque de Albany, foi a morada dos Starks, quando a maioria deles estava viva. Na vida real, ela está localizado na cidade de Stirlingshire.

Bardenas (Espanha)

O Parque Natural de las Bardenas Reales é um semi-deserto localizado no lado extremo oriental de Navarra. Cenas da 6a temporada da série foram gravadas por lá: Daenerys Targaryen atravessa, com seus súditos, o local. Os dragões, claro, foram acrescentados à cena depois, com a ajuda da computação gráfica. O lugar é muito seco. A paisagem foi modelada com o tempo, graças à ação do vento e da chuva.

Comentários
Topo