Fotos

Conheça 17 famosos adeptos do mindfulness e da meditação

A meditação, na tradição budista, é um conjunto de técnicas capazes de ajudar a estabilizar a mente, levando à calma mental e, consequentemente, ao desenvolvimento da sabedoria e da bondade. É uma prática que exige muito foco e concentração, assim como a habilidade de se “desligar” do mundo exterior, e que tem sido cada vez mais adotada no século 21, inclusive por celebridades e pessoas muito bem-sucedidas.

LEIA MAIS: 9 benefícios do mindfulness que ajudam a reduzir o estresse

O mesmo acontece com o mindfulness que, embora menos conhecido, tem ganho cada vez mais espaço nas agendas de grandes líderes, principalmente por garantir maior foco, eficiência e produtividade. A técnica prega “atenção plena”, ou seja, direcionar a nossa consciência para o aqui e agora, o momento presente. Muitos defendem que o mindfulness é a meditação da moda, outros dizem que ela é uma das técnicas para a meditação plena.

O mega empresário Richard Branson é um dos adeptos da meditação, assim como o produtor musical Russell Simmons. Jack Dorsey, CEO da Square e cofundador do Twitter, “madruga” todos os dias para meditar – e ele não está sozinho: Gisele Bündchen acorda às 5h30 e cumpre religiosamente uma rotina espiritualizada desde os 20 anos.

Veja, na galeria de fotos, profissionais bem-sucedidos adeptos da meditação e do mindfulness:

  • Oprah Winfrey

    A apresentadora e empresária acredita que a meditação está diretamente relacionada a sua qualidade de vida, eficiência no trabalho e sensação de paz. Sua rotina inclui a prática pelo menos uma vez por dia – nos dias mais estressantes, duas, de manhã e à noite – por 20 minutos.

  • Richard Branson

    O mega empresário, fundador do grupo Virgin, já declarou que o bem-estar de seus funcionários é fundamental para sua companhia, assim como o seu próprio. Ele também acorda cedo para meditar e “limpar a mente”. No passado, lançou uma política inusitada: autorizou os funcionários dos escritórios da Virgin dos EUA e Reino Unido a tirar a quantidade de dias de férias que quisessem, quando achassem melhor.

  • Jack Dorsey

    O cofundador do Twitter e atual CEO da Square acorda todos os dias às 5h para meditar durante 30 minutos, de acordo com a “New York Magazine”. A prática é seguida por três séries de exercícios físicos de 7 minutos cada. Só depois do “ritual” ele toma a primeira dose de cafeína.

  • Warren Buffett

    O bilionário de 86 anos segue na ativa como CEO da holding Berkshire Hathaway. Por meio de suas declarações, é possível perceber sua simpatia pelo mindfulness: “Você tem apenas uma mente e um corpo. E isso tem que durar a vida inteira. Agora é muito fácil deixá-lo viajar por muitos anos. Mas, se você não cuidar do corpo e da mente, eles vão naufragar 40 anos depois”, disse certa vez. Buffett também tem o costume de passar grande parte do seu tempo lendo e pensando.

  • João Doria

    Um dos segredos para conseguir trabalhar 18 horas por dia sem se cansar e com alta produtividade, disse o atual prefeito de São Paulo a FORBES Brasil, é a prática de mindfulness – que ele chama de mind power. Doria conheceu a técnica graças ao pai, que, depois de um período de exílio na França, abriu o Instituto Mind Power, que funcionou até o início dos anos 1990.

  • Arianna Huffington

    A meditação foi introduzida na vida da colunista e escritora quando ela tinha apenas 13 anos, por sua mãe. Mesmo já conhecendo a técnica, Arianna diz que, durante muito tempo, encontrou dificuldades para encaixar a atividade em sua rotina. Depois de ouvir uma amiga dizer que a única coisa a fazer quando se medita é nada, ela passou a incluir entre 20 e 30 minutos em seu dia para relaxar. Arianna também é adepta da yoga, e diz que as técnicas são uma maneira de se “alinhar”, encontrar um equilíbrio que persiste mesmo depois que a atividade termina.

  • Boris Johnson

    O secretário de Estado do Reino Unido garante que toda a sua equipe tenha acesso ao mindfulness. Um de seus funcionários declarou ao “HuffPost UK”: “Nós temos um portal de bem-estar que promove recursos a tópicos relacionados à saúde, incluído podcasts focados em mindfulness”.

  • Russell Simmons

    O produtor musical e fundador da gravadora de R&B e hip hop Def Jam, declarou que pratica a meditação transcendental. Ele teve seu primeiro contato com a técnica em uma visita a uma escola na África do Sul. Ao retornar a Nova York, incorporou a prática em sua rotina e garante que a iniciativa mudou a maneira de viver a vida.

  • Lloyd Blankfein

    Blankfein é diretor-executivo da Goldman Sachs, que recentemente passou a oferecer sessões de meditação e mindfulness aos seus funcionários. O próprio chefe do RH no banco declarou: “Em alguns anos, falaremos de mindfulness igual falamos de exercício atualmente”.

  • William Ford

    O presidente da montadora de carros declarou que durante períodos difíceis da companhia, a prática do mindfulness permitiu que ele seguisse em frente. Ele estabeleceu como meta enfrentar seus dias com compaixão.

  • Padmasree Warrior

    A CEO da NIO, companhia do “carro do futuro”, pratica meditação todos os dias, além de passar os sábados em um detox digital. Segundo ela, funciona como uma espécie de “reinício” para a sua mente e alma.

  • Marc Benioff

    O CEO da empresa de softwares Salesforce.com é adepto da meditação há cerca de duas décadas, e é um grande influenciador das práticas de paz interior e mindfulness no trabalho. Em 2016 provou isso ao inaugurar uma sala de meditação em cada andar do prédio da companhia, com o objetivo de estimular seus funcionários.

  • Ray Dalio

    O fundador e ex-CEO do fundo de investimento Bridgewater Associates (ele deixou a função em abril de 2017) e bilionário Ray Dalio é praticante assumido da meditação transcendental. Já, inclusive, introduziu a prática na empresa, pois acredita que ela traz criatividade, paz e estabilidade mental aos funcionários.

  • Robert Stiller

    O fundador e ex-CEO da Green Mountain Coffee Roasters Inc. declarou que a meditação ajuda a desenvolver melhor as habilidades, aumenta o foco e auxilia no término das tarefas, assim como melhora o desempenho em reuniões. Os escritórios de Vermont contam com uma sala de meditação.

  • Andrew Cherng

    O executivo é fundador da Panda Express, rede de fast-food de culinária chinesa, presente em mais de 36 estados norte-americanos. Além de ser adepto da meditação, ele incentiva seus funcionários, pois acredita que o bem-estar deles é a peça-chave do sucesso dos restaurantes. Há relatos, inclusive, de que ele já parou uma reunião de negócios para incentivar um gerente a meditar.

  • Bob Shapiro

    O antigo CEO da Monsanto e atual diretor da Sandbox Industries – incubadora e administradora de fundos – acredita que a meditação pode melhorar a capacidade de ouvir e reforça o pensamento criativo.

  • Gisele Bündchen

    A uber model brasileira gosta de ressaltar como a meditação mudou sua vida. Ela começou a praticar aos 20 anos, quando entrou em contato com a yoga, e garante que se tornou mais calma, capaz de enxergar as situações com mais clareza. Sua rotina inclui a prática diária de meditação às 5h30 da manhã.

Oprah Winfrey

A apresentadora e empresária acredita que a meditação está diretamente relacionada a sua qualidade de vida, eficiência no trabalho e sensação de paz. Sua rotina inclui a prática pelo menos uma vez por dia – nos dias mais estressantes, duas, de manhã e à noite – por 20 minutos.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).

Comentários
Topo