Os carros esportivos que chegam aos EUA em 2018

Enquanto os carros autônomos não acabam com o prazer de dirigir, as montadoras continuam oferecendo aos entusiastas do volante uma abundância de modelos voltados ao desempenho, com tecnologias incríveis.

Motores que geram 500, 600 e até perto de 800 cv propelem os novos carros esportivos, e alguns utilitários esportivos são capazes de atingir 100 km/h em 4 segundos, aceleração que não combina com o transporte solidário.

LEIA MAIS: Carro da Ferrari é arrematado pelo valor recorde de € 8,3 milhões

Novos e sofisticados sistemas de controle de chassi permitem que o motorista ajuste, com o giro de um botão, as características de condução do veículo, de agressivas a descontraídas. Os conjuntos de segurança e comodidade também trazem inovações.

  • Carros esportivos e exóticos

    Mercedes-Benz AMG GT R, força e beleza

    O esportivo da Mercedes com design arrojado ganha uma injeção de desempenho na nova versão cupê topo de linha AMG GT R, que faz maior uso de materiais leves e vem com aprimoramentos aerodinâmicos na parte externa, além de um motor twin-turbo V8 de 585 cv debaixo de seu longo capô. A GT R é basicamente um carro de corrida autorizado para uso urbano, que acelera até 100 km/h em apenas 3,6 segundos e atinge a criminosa velocidade de 318 km/h.

    Especificações: motor 4.0 twin-turbo V8 de 585 cv; transmissão automática de sete marchas e dupla embreagem.
    Preço: US$ 157 mil (no Brasil: R$ 1.235.900)

  • Carros esportivos e exóticos

    Lamborghini Huracán Performante, potência em alta

    Como nela o excesso nunca é suficiente, a nova Performante reforça os já espantosos dotes da Lamborghini Huracán com um motor V10 reajustado que coloca no asfalto 649 cv de potência. Construída com amplo uso de alumínio e fibra de carbono para minimizar o peso e contando com tração nas quatro rodas, a angulosa Huracán Performante consegue atingir 100 km/h em pouco menos de três segundos. O novo sistema “ALA” (de aerodinâmica ativa) ajusta válvulas de ar nos spoilers dianteiro e traseiro para acentuar a força descendente nas curvas ou simplesmente para aumentar a velocidade máxima do carro.

    Especificações: motor 5.2 V10 de 649 cv; transmissão automática de sete marchas e dupla embreagem.
    Preço: US$ 274.390 (não definido no Brasil)

  • Carros esportivos e exóticos

    Audi TT RS, curvas e mais curvas

    A Audi estreia, para 2018, a mais rápida versão até hoje de seu curvilíneo cupê esportivo TT. Um motor turbo de cinco cilindros acelera o TT topo de linha até 100 km/h em 3,7 segundos, enquanto o sistema de tração nas quatro rodas com ênfase nas traseiras e a suspensão magnética ajudam a manobrar nas curvas com equilibrada naturalidade. Na parte de dentro, o motorista tem controle total com o inovador sistema Virtual Cockpit, um painel configurável de instrumentos eletrônicos com tela panorâmica.

    Especificações: motor 2.5 turbo de cinco cilindros e 406 cv; transmissão automática de sete marchas e dupla embreagem.
    Preço: US$ 64.900 (não definido no Brasil)

  • Utilitários esportivos

    Range Rover Velar, elegância com desempenho

    Maior do que seu primo, o Evoque, o novo Velar é igualmente elegante. Tem capacidade para cinco passageiros e oferece três opções de motores: um vigoroso quatro cilindros, um absolutamente enérgico V6 e um econômico turbodiesel. A tração nas quatro rodas vem de fábrica. Mas o Velar não é só um veículo bonito, e a prova disso é que ele permite rebocar até 2.500 quilos com o motor V6 e facilita o acoplamento de um trailer com a função Advanced Tow Assist, controlada por um botão giratório.

    Especificações: motor 2.0 turbo de quatro cilindros e 250 cv, 3.0 V6 de 385 cv; transmissão automática de oito marchas.
    Preço: US$ 49.900 (no Brasil: a partir de R$ 353.100, versão R-Dynamic)

  • Utilitários esportivos

    Jaguar E-Pace, requinte sobre rodas

    Para 2018, a Jaguar acrescenta uma alternativa menor, mas não menos vigorosa, ao SUV F-Pace: o curvilíneo e compacto E-Pace. As opções de motores turbo de quatro cilindros geram 250 cv e 300 cv, respectivamente, com tração nas quatro rodas; o último pode ser equipado com a tecnologia Active Driveline, que permite mandar 100% do torque do eixo traseiro a qualquer uma das rodas. Deve chegar ao Brasil no primeiro trimestre de 2018.

    Especificações: motor 2.0 turbo de quatro cilindros e 250 cv ou 300 cv; transmissão automática de nove marchas.
    Preço: US$ 38.600 (não definido no Brasil)

  • Sedãs

    Tesla Model 3, voltando à carga

    A alternativa menor e mais barata ao totalmente elétrico Tesla Model S chega em 2018 e promete uma autonomia de 350 a 500 quilômetros com uma carga, dependendo do conjunto de baterias. O Model 3 tem um interior clean para cinco passageiros, com um grande display parecido com um tablet na frente, e oferece o sistema Autopilot da Tesla, com recursos de condução semiautônoma. Ainda para 2018, está prevista uma versão com dois motores e tração nas quatro rodas. No entanto, a menos que já tenha feito um adiantamento, o comprador americano terá de esperar de 12 a 18 meses para receber o carro. Só depois de atendida essa demanda ele deverá chegar às ruas do Brasil.

    Especificações: motor elétrico, transmissão de marcha única, 350 quilômetros por carga.
    Preço: US$ 35 mil (especula-se que chegará custando R$ 300 mil, mas oficialmente seu preço não está definido no Brasil)

  • Sedãs

    Lexus LS, carro-chefe

    Agora reformulado, o todo-poderoso sedã LS da Lexus está mais longo, baixo, largo e leve e foi projetado para uma experiência de condução mais envolvente. O motor twin-turbo V6 gera 421 cavalos-vapor – potência de um V8 – e um poderoso torque de 61 kgfm. Também compõem essa linha uma versão F Sport mais estimulante e uma versão híbrida com conjunto propulsor V6 eletrificado. O novo sistema Intuitive Pedestrian Detection é capaz de acionar os freios e girar o volante automaticamente para evitar uma pessoa que apareça no caminho.

    Especificações: motor 3.5 twin-turbo V6 de 421 cv; transmissão automática de dez marchas.
    Preço: US$ 78 mil (no Brasil: R$ 600 mil).

  • Sedãs

    Porsche Panamera Sport Turismo, a perua que arrasa na rua

    Numa atitude que antigamente seria considerada herética, a Porsche lança uma nova versão perua – um “shooting brake”, no jargão automotivo europeu – do Panamera para 2018. Com tração nas quatro rodas, o Panamera Sport Turismo oferece quatro opções de conjunto propulsor, inclusive um híbrido gás/elétrico plug-in com potência total de 468 cv. Ah, e ele oferece um espaço para carga generoso: são 1.294 litros com os assentos traseiros rebatidos.

    Especificações: motor 3.0 turbo V6 de 335 cv, 2.9 twin-turbo V6 de 446 cv, híbrido 2.9 twin-turbo V6 de 468 cv ou 4.0 twin-turbo V8 de 558 cv; transmissão automática de oito marchas e dupla embreagem.
    Preço: US$ 96.200 (no Brasil: R$ 593 mil)

  • Bônus

    Ferrari aos 70, a velha lenda

    Enzo Ferrari, o homônimo fundador da empresa, iniciou sua carreira automotiva em 1929 como patrocinador de pilotos amadores de carros de corrida e, uma década depois, estava chefiando o departamento de automobilismo da Alfa Romeo. Em 1939, saiu para produzir seu primeiro carro de corrida, o Tipo 815. Em 1947, criou o primeiro carro de estrada a ostentar o logotipo com o cavalo empinado, o 125 S, que tinha motor V12. Hoje, a Ferrari continua sendo um dos nomes de maior sucesso na Fórmula 1 e está lançando dois modelos novos para seu 70º aniversário.

    O impactante Portofino, cujo nome homenageia uma aldeia de pescadores na Riviera Italiana, substitui a Califórnia na linha 2018 da montadora. Curvilíneo, ele vem com capota rígida retrátil, para proporcionar prazer nas quatro estações do ano. Nos EUA, custa a partir de US$ 225 mil e traz um motor turbo V8 de 600 cv que vai a 100 km/h em 3,5 segundos. Mais velocidade? Com preço em torno de US$ 335 mil, o cupê rebaixado 812 Superfast respalda seu nome imodesto com um impetuoso motor V12 de 800 cv que permite acelerar de 0 a 100 km/h em 2,9 segundos. E isso sem turbo nem compressor. Haja adrenalina!

Carros esportivos e exóticos

Mercedes-Benz AMG GT R, força e beleza

O esportivo da Mercedes com design arrojado ganha uma injeção de desempenho na nova versão cupê topo de linha AMG GT R, que faz maior uso de materiais leves e vem com aprimoramentos aerodinâmicos na parte externa, além de um motor twin-turbo V8 de 585 cv debaixo de seu longo capô. A GT R é basicamente um carro de corrida autorizado para uso urbano, que acelera até 100 km/h em apenas 3,6 segundos e atinge a criminosa velocidade de 318 km/h.

Especificações: motor 4.0 twin-turbo V8 de 585 cv; transmissão automática de sete marchas e dupla embreagem.
Preço: US$ 157 mil (no Brasil: R$ 1.235.900)

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br)

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).