4 novos aplicativos para reduzir o estresse no dia a dia

Pequenas coisas podem provocar um grande estresse. Para ajudar a minimizar esses incômodos do dia a dia, estão sendo criadas, a cada dia que passa, mais ferramentas que, ao alcance de um simples toque, nos dão dicas preciosas para facilitar a vida e evitar a energia negativa e o pessimismo.

LEIA MAIS: 6 estratégias para lidar com o estresse

Veja, na galeria de fotos a seguir, 4 novos aplicativos para reduzir o estresse no dia a dia:

  • AccessNow

    Disponível para iOS e Android

    Maayan Ziv, fotógrafo canadense portador de distrofia muscular, criou o aplicativo colaborativo para compartilhar informações de acessibilidade — como estacionamento para cadeira de rodas e banheiros com sinalização em braile, por exemplo — sobre empreendimentos localizados em todo o mundo. Ziv diz ser uma pessoa comum , que gosta de sair e fazer coisas. “Ou seja, como qualquer outra pessoa portadora de deficiência.”

  • Expectful

    Disponível para iOS e Android

    Gestantes e mães de primeira viagem, que tipicamente deixam de priorizar os cuidados consigo mesmas, encaram altos níveis de estresse. O aplicativo propõe de 10 a 20 minutos de meditação para cada estágio gestacional e de maternidade.

  • WeCroak

    Disponível para iOS e Android

    Ideal para aqueles que se esquecem com frequência de quão curta a vida pode ser. Cinco vezes ao dia o app envia mensagens impactantes, lembrando que, um dia, tudo terá um fim.

  • Bravo Tango Brain Training

    Disponível para iOS, Android e Google Assistant

    Um ex-psicólogo da Força Aérea norte-americana contribuiu com a National Geographic no desenvolvimento do Bravo Tango Brain Training, aplicativo para auxiliar veteranos no alívio do estresse. O app controlado por voz responde ao usuário guiando-o em exercícios de relaxamento muscular, concentração, respiração, visualização e conexão interpessoal.

AccessNow

Disponível para iOS e Android

Maayan Ziv, fotógrafo canadense portador de distrofia muscular, criou o aplicativo colaborativo para compartilhar informações de acessibilidade — como estacionamento para cadeira de rodas e banheiros com sinalização em braile, por exemplo — sobre empreendimentos localizados em todo o mundo. Ziv diz ser uma pessoa comum , que gosta de sair e fazer coisas. “Ou seja, como qualquer outra pessoa portadora de deficiência.”

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).