Quanto sua lua de mel deve custar?

A lua de mel é uma tradição para a maioria dos recém-casados, mas essa viagem tão especial não precisa, necessariamente, ser um peso nas finanças. De destinos românticos a safáris e pontos radicais de surf ao redor do mundo, o importante é que esses dias sejam inesquecíveis, compatíveis com a energia do casal e não afundem as contas de quem está acabando de iniciar uma vida juntos.

LEIA MAIS: Conheça quatro ilhas incríveis para a lua de mel perfeita

Os casais norte-americanas gastam, em média, US$ 4.466 em suas viagens de lua de mel – e cerca de 62% deles arcam, sozinhos, com todos os custos. Como 72% do total de casais que sobem ao altar no país também pagam por boa parte da cerimônia e da festa de casamento, saber conciliar as duas coisas acaba sendo um exercício de finanças pessoais.

Alguns recém-casados escolhem viagens longas – Brit e Filipina, por exemplo, já foram até notícia no “Independent” graças a sua lua de mel de mil dias. Já a dupla Amirah e Jarrel Cook está há quatro anos viajando desde que se casou, devido ao seu estilo de vida nômade digital.

Mas não importa quanto tempo ou dinheiro você pode gastar: existem maneiras de fazer sua lua de mel especial. Com isso em mente, FORBES consultou cinco especialistas em finanças pessoais que estão casados para responder à pergunta: “Quanto a sua lua de mel custou?”.

Não importa de onde eles são ou quanto estão gastando, todos eles concordam: a melhor maneira de planejar sua lua de mel dos sonhos é começar a economizar cedo. Considere também usar aplicativos que automatizam as economias mensais para uma meta baseada em viagens.

Veja, na galeria de fotos a seguir, as dicas compartilhadas pelos especialistas para definir um orçamento especificamente para a lua de mel e estratégias para economizar para o grande dia:

  • Erin Lowry

    Lua de mel dos sonhos: África do Sul
    Onde mora: New York
    Quanto considera muito – do ponto de vista financeira – para gastar na lua de mel: qualquer quantia que o deixe endividado

    Se você não pode fazer o fluxo de caixa para sua lua de mel dos sonhos, precisará de algo mais acessível ou de um adiamento dos planos. Há muitas maneiras de cortar custos – como usar milhas em vez de pagar pelas passagens – por isso, quanto mais cedo você definir sua estratégia, melhor.

    Meu noivo e eu não teremos nossa lua de mel logo depois do casamento, já que ele é professor e a união será logo no início do ano letivo. Em vez disso, esperaremos até o verão, quando só então faremos uma viagem de dez dias para a África do Sul.

    Começamos a guardar dinheiro com esse objetivo no dia seguinte ao noivado. Também planejamos colocar 25% do dinheiro que recebermos como presentes de casamento em um fundo. O tempo extra e a possibilidade de usar o dinheiro do nosso casamento garantirão a economia, porque não pretendemos poupar na viagem. Somos viajantes relativamente tranquilos, mas preferimos gastar em acomodações mais luxuosas para nossa lua de mel.

    * Erin Lowry é a autora de “Broke Millennial: Stop Scraping e Get Your Financial Life Together” (sem tradução para o português) A especialista em finanças pessoais fez seu nome ao fornecer conselhos sobre administração de dinheiro em seu blog e está trabalhando em um segundo livro.

  • Sharon Guttierez

    Lua de mel dos sonhos: Itália e Espanha
    Onde mora: Califórnia
    Quanto considera muito – do ponto de vista financeira – para gastar na lua de mel: mais de US$ 6 mil

    Meu noivo e eu estamos pagando por nosso próprio casamento, o que significa que não há muito espaço para gastar em uma lua de mel. Por isso, criamos o “Fundo do Mel”, uma opção para que os convidados contribuam com dinheiro em vez de gastar com presentes. Já moramos juntos, o que significa que temos quase tudo do que precisamos.

    Independentemente de como estamos pagando pela lua de mel, não gastaríamos mais de US$ 6 mil. Adoramos viajar e explorar novos lugares, mas também queremos comprar uma casa, por isso estamos tentando pensar de maneira racional. O ideal seria irmos a uma praia paradisíaca, mas, como viajaremos no final de outubro, a maioria das cidades de praia não tem um clima bom. Meu noivo nunca esteve na Europa, então esperamos conhecer a Itália e a Espanha, se o orçamento permitir. Eu adoro usar a Expedia para comprar passagens aéreas baratas, e também fico de olho em em alguns pacotes de lua de mel promocionais.

    *Sharon Gutierrez é a fundadora da balancebysg, uma marca de roupas que doa 15% da receita arrecadada para crianças carentes.

  • Krystal Yee

    Lua de mel dos sonhos: China e Mongólia
    Onde mora: Vancouver, Canadá
    Quanto considera muito – do ponto de vista financeira – para gastar na lua de mel: US$ 12 mil

    O valor que você gasta em sua lua de mel deve se basear em você e nos valores compartilhados com seu parceiro, mas também deve caber dentro do seu orçamento. Se você não puder pagar as férias dos seus sonhos, não há mal algum em adiar a viagem por alguns meses até que você possa arcar com tudo.

    Meu parceiro e eu gastaremos cerca de US$ 12 mil em uma viagem de três semanas para a China e a Mongólia. Temos a tendência de viajar com frequência, então, embora seja um destino caro, estamos economizando para isso e vamos adiá-la cerca de seis meses após o casamento – além de renunciarmos a muitas de nossas pequenas viagens de fim de semana para liberar espaço em nosso orçamento. É uma viagem única na vida, mas será paga com o dinheiro que conseguirmos arrecadar, porque a última coisa que eu quero fazer é começar a vida de casada cheia de dívidas.

    *Krystal Yee é profissional de marketing e blogueira especializada em finanças pessoais.

  • Chris

    Lua de mel dos sonhos: viajar de trailer por todo o sudeste dos Estados Unidos
    Onde mora: Texas
    Quanto considera muito – do ponto de vista financeira – para gastar na lua de mel: mais de US$ 5 mil

    Minha noiva e eu vamos casar em novembro. Nossa lua de mel ainda não está planejada, mas decidimos que vamos fazê-la antes do casamento. Nós vivemos separados devido às circunstâncias do trabalho e estamos animados para passar algum tempo juntos.

    Desde que ficamos noivos, no outono passado, planejamos essa viagem de trailer. No meu ponto de vista, gastar US$ 10 mil para ir a um resort sofisticado não vale muito a pena, porque não há aventura nenhuma nisso. Nós compramos um trailer e vamos deixar o Texas em maio, quando passearemos pelo sudeste dos Estados Unidos antes de ir para Idaho. Queremos algo diferente.

    *Chris e sua noiva, Becca, são especialistas em finanças pessoais.

  • Desirae Odjick

    Lua de mel dos sonhos: Prince Edward County, Canadá
    Onde mora: Ottawa, Canadá
    Quanto considera muito – do ponto de vista financeira – para gastar na lua de mel: mais de US$ 2,5 mil ou mais de 50% do custo total do casamento

    O melhor conselho que me deram foi que a lua de mel é mais sobre o período de tempo e menos sobre aonde você vai. Com base nisso, foi fácil me concentrar em uma viagem que se ajustasse ao nosso orçamento e nos permitisse passar um tempo juntos.

    Estamos planejando gastar US$ 2,5 mil, o que representa cerca de 20% do custo total do nosso casamento. Era importante ter um tempo para ficarmos juntos, mas não queríamos gastar mais de US$ 10 mil logo depois do maior e mais caro evento das nossas vidas.

    Nós faremos uma viagem de carro para Prince Edward, em Ontário, e usaremos o que economizamos para desfrutar de algumas das incríveis comidas típicas e bebidas de lá. Para ajudar a pagar, dividimos os itens em fases e fomos pagando aos poucos. Primeiro reservamos e pagamos a hospedagem, feita por meio do Airbnb. Agora estamos economizando todo mês para cobrir as despesas com alimentos, bebidas e transporte. Depois de discutirmos nosso orçamento, configuramos as contribuições mensais de forma automática. E, ao mesmo tempo, estamos juntando para pagar as contas do casamento.

    *Desirae Odjick é escritora especializada em finanças pessoais e colaboradora do site “Half Banked”, no qual escreve sobre gestão de dinheiro.

Erin Lowry

Lua de mel dos sonhos: África do Sul
Onde mora: New York
Quanto considera muito – do ponto de vista financeira – para gastar na lua de mel: qualquer quantia que o deixe endividado

Se você não pode fazer o fluxo de caixa para sua lua de mel dos sonhos, precisará de algo mais acessível ou de um adiamento dos planos. Há muitas maneiras de cortar custos – como usar milhas em vez de pagar pelas passagens – por isso, quanto mais cedo você definir sua estratégia, melhor.

Meu noivo e eu não teremos nossa lua de mel logo depois do casamento, já que ele é professor e a união será logo no início do ano letivo. Em vez disso, esperaremos até o verão, quando só então faremos uma viagem de dez dias para a África do Sul.

Começamos a guardar dinheiro com esse objetivo no dia seguinte ao noivado. Também planejamos colocar 25% do dinheiro que recebermos como presentes de casamento em um fundo. O tempo extra e a possibilidade de usar o dinheiro do nosso casamento garantirão a economia, porque não pretendemos poupar na viagem. Somos viajantes relativamente tranquilos, mas preferimos gastar em acomodações mais luxuosas para nossa lua de mel.

* Erin Lowry é a autora de “Broke Millennial: Stop Scraping e Get Your Financial Life Together” (sem tradução para o português) A especialista em finanças pessoais fez seu nome ao fornecer conselhos sobre administração de dinheiro em seu blog e está trabalhando em um segundo livro.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).