Eldorado Brasil tem lucro de R$ 713 mi em 2017

A companhia produziu 1,71 milhão de toneladas de celulose no ano passado

A produtora de celulose Eldorado Brasil divulgou ontem (28) lucro líquido de R$ 713 milhões no ano passado, mais que o dobro do obtido em 2016, se aproveitando de melhoras operacionais e nos preços internacionais da commodity usada na produção de papel.

LEIA MAIS: J&F transfere primeira fatia da Eldorado para Paper Excellence

A Eldorado Brasil teve lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) de R$ 2,22 bilhões em 2017, alta de 40% sobre o desempenho de 2016. A margem foi de 66%, algo que a companhia afirmou ser a “a maior margem do setor em 2017”.

A companhia produziu 1,71 milhão de toneladas de celulose no ano passado, acima do limite de sua capacidade produtiva de 1,5 milhão de toneladas e 4% acima do produzido em 2016. As vendas cresceram 3%, a 1,72 milhão de toneladas.

Com isso, a receita líquida da empresa somou R$ 3,35 bilhões em 2017, 13% acima do faturado em 2016.

O custo-caixa de produção foi de R$ 504 por tonelada, queda de 19% na comparação com 2016.

VEJA TAMBÉM: UNDER 30 de FORBES Brasil terá indicações online

A Eldorado, que foi comprada pela holandesa Paper Excellence no ano passado, fechou 2017 com uma relação de dívida líquida sobre Ebitda de 3,36 vezes, abaixo das 4,96 vezes de 2016.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).