Presidente do BNDES entrega carta de demissão a Temer

Paulo Rabello de Castro disse que deixará a presidência do BNDES no dia 31 de março

O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Paulo Rabello de Castro, entregou hoje (28) sua carta de demissão ao presidente Michel Temer e disse no documento, divulgado pelo Palácio do Planalto, que deixará o cargo no dia 31 de março por conta do calendário eleitoral.

LEIA MAIS: CEO da Riachuelo se filia ao PRB e partido o lança como pré-candidato à Presidência

Rabello, que é filiado ao PSC, pretende ser candidato à Presidência da República na eleição de outubro deste ano e pode acabar por enfrentar Temer no pleito. A legislação determina que aqueles que têm cargo no Executivo e disputarão a eleição precisam deixar suas posições até 7 de abril. A regra não se aplica a Temer, que poderá disputar a reeleição no cargo.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).