Blackstone vai comprar LaSalle Hotel por US$ 3,7 bi

Divulgação
O ‘W’ Los Angeles, em Beverly Hills

A empresa de private equity Blackstone Group disse hoje (21) que vai comprar a norte-americana LaSalle Hotel Properties por US$ 3,7 bilhões, superando uma oferta rival da Pebblebrook Hotel Trust feita em abril, de US$ 3,5 bilhões.

LEIA MAIS: Receita da AccorHotels sobe no 1º tri

O acordo avalia a LaSalle em US$ 33,50 por ação, ante US$ 31,75 na oferta da Pebblebrook e representa um prêmio de 5% em relação ao preço de fechamento da LaSalle na sexta-feira (18).

A Pebblebrook elevou sua oferta em abril depois que a LaSalle rejeitou a proposta anterior, dizendo que ela desvalorizava a dona de locações importantes, incluindo o ‘W’ Los Angeles.

O presidente do conselho de administração da LaSalle, Stuart Scott, disse que estava em contato com 20 potenciais compradores e assinou acordos de confidencialidade com 10 deles antes de decidir sobre a oferta da Blackstone.

A companhia normalmente compra hotéis e outros bens imobiliários com desconto, reestrutura e vende com lucro.

VEJA TAMBÉM: Amantes da gastronomia ganham nova opção de hotel em Paris

A empresa de private equity deixou seu investimento no Hilton Worldwide Holdings na sexta-feira, após quase 11 anos, ao vender a fatia de aproximadamente 5,8%, ou 15,8 milhões de ações, na operadora de rede de hotéis por cerca de US$ 1,32 bilhão.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).