Maggi: Coreia do Sul abriu mercado para o Brasil

José Cruz/Agência Brasil
Blairo Maggi revelou que as exportações sairão de quatro estabelecimentos credenciados de Santa Catarina

A Coreia do Sul abriu seu mercado à carne suína do Brasil, inicialmente para quatro estabelecimentos de Santa Catarina, anunciou hoje (17) o ministro da Agricultura, Blairo Maggi.

LEIA MAIS: BRF é autorizada a exportar carne suína para Coreia do Sul

Em abril, a pasta já havia comentado que as negociações entre o Brasil e a Coreia do Sul estavam avançando e que um desfecho positivo era esperado para o curto prazo.

“Amanhecemos com uma ótima notícia: a Coreia do Sul abre seu mercado de carne suína para o Brasil. Mercado de US$ 1,5 bilhão por ano! Inicialmente as exportações sairão de Santa Catarina, já temos quatro estabelecimentos credenciados”, destacou Maggi, que está em missão à Ásia, em seu Twitter.

A Coreia do Sul é um dos mercados mais almejados pelos exportadores, pelo preço que paga pela carne. Já o Brasil é o maior exportador global de carne bovina e de frango e está entre os maiores fornecedores de carne suína.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).