Samsung é condenada a pagar US$ 539 mi à Apple

Empresa japonesa foi acusada de copiar produtos da gigante norte-americana

Depois de quase cinco dias de deliberações, um júri norte-americano decidiu hoje (25) que a Samsung deve pagar US$ 539 milhões à Apple por ter copiado recursos de smartphones patenteados, segundo mostraram documentos judiciais, trazendo ao fim uma longa disputa entre as empresas de tecnologia.

LEIA MAIS: Coreia do Sul aumenta pressão sobre a Samsung

As maiores fabricantes de smartphones do mundo brigam judicialmente por causa de patentes desde 2011, quando a Apple entrou com uma ação alegando que os smartphones e tablets da Samsung “copiavam” os seus produtos.

A gigante japonesa foi considerada responsável em um julgamento de 2012, mas um desentendimento sobre o valor a ser pago resultou em outra ação por danos, cujos argumentos foram concluídos em 18 de maio.

A Samsung pagou anteriormente US$ 399 milhões à Apple para compensar a empresa norte-americana por infração de algumas das patentes em questão no caso. O júri tem deliberado sobre o assunto desde a semana passada.

Por causa desse crédito, se o veredicto for confirmado na apelação, a Samsung fará um pagamento adicional à Apple de aproximadamente US$ 140 milhões.

Em comunicado, a empresa de Steve Jobs disse estar satisfeita com o fato de os membros do júri “terem concordado que a Samsung tem obrigação de pagar pela cópia de nossos produtos”.

LEIA MAIS: Samsung sinaliza enfraquecimento em celulares

A Samsung não revelou ainda se planejava recorrer da sentença, mas disse que estava retendo “todas as opções” para contestá-lo.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).