Cingapura é a cidade mais cara do mundo

Pelo segundo ano seguido, Cingapura foi eleita a cidade com o custo de vida mais alto do planeta de acordo com um estudo feito pelo Economist Intellegence Unit. Em seguida estão Paris, Oslo, Zurique e Sydney.

Segundo o site Luxury Launches, a pesquisa avaliou 113 cidades, usando Nova York como base de análise. Foram comparados os preços de produtos e serviços, como alimentação, roupas, moradia e transporte.

Para se ter uma ideia, os alimentos custam, em média, 11% mais do que na cidade norte-americana. Já o valor das roupas cresce em 50% e, para o transporte, a população precisa desembolsar o triplo em Cingapura.

O Economist Intellegence Unit destacou que é muito raro uma cidade ser considerada a mais cara do mundo por dois anos seguidos. Esse fenômeno pode ter acontecido com Cingapura, que é uma das regiões mais populosas do mundo, por ser também um dos maiores redutos de milionários, cerca de 105.000 residem na cidade-estado.

Além disso, Singapura tem recursos limitados, ou seja, depende fortemente da importação de água e energia, o que aumenta o custo de produção.

Mas há outro lado a ser avaliado. Cingapura tem muito a oferecer em termos de culinária, cultura e entretenimento.  A cidade é também muito conhecida por suas comidas de rua, que não custam caro, e por um dos mais eficientes sistemas metroviários do mundo, o que dispensa, muitas vezes, o uso de carros.

Quem passa pela região pode, ainda, aproveitar os inúmeros parques que deram à Cingapura outro título: “a cidade-jardim”.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).