Lifestyle

Cofundador do Facebook doa US$ 25 milhões para ONG que transfere dinheiro diretamente aos mais necessitados

Getty Images

Getty Images

O cofundador do Facebook, Dustin Moskovitz, e sua esposa, Cari Tuna, anunciaram nesta segunda-feira (3) a doação de US$ 25 milhões à ONG GiveDirectly, atuante no Quênia e Uganda, que doa dinheiro aos mais necessitados em vez de os tradicionais remédios. Segundo a organização, a transferência de dinheiro bruto tem ajudado mais a melhorar a vida da população miserável no continente.

“Governos e filantropos gastam minhões de dólares por ano para reduzir a pobreza, mas raramente eles sabem como estas doações são feitas. A GiveDirectly está mudando isso ao transferir o dinheiro diretamente para os mais necessitados”, argumenta Cari, presidente da Good Ventures, fundação do casal voltada à filantropia responsável pela doação.

VEJA TAMBÉM: Norte-americanos doaram valor recorde de US$ 358 bilhões em 2014

No Quênia, a GiveDirectly usa um sistema chamado M-Pesa, que transfere o dinheiro diretamente para o celular das pessoas. Em Uganda, o dinheiro é passado pela operadora MTN. O valor transferido, geralmente, é de cerca de US$ 1.000, o que é muitas vezes maior do que a renda anual das famílias.

A base da GiveDirectly é que quem recebe o dinheiro decide o que irá fazer com ele, não há o compromisso de gastar com alimentação ou medicamentos, por exemplo. A organização tem o princípio de que cada um sabe o que é melhor para si e sua família. “Isso levanta questionamentos sobre o papel das instituições”, afirma Paul Niehaus, cofundador da ONG. “Há algo de muito poderoso nesta concessão incondicional.”

Anteriormente, a GiveDirectly já havia recebido doações de outro cofundador do Facebook, Chris Hughes.

Comentários
Topo