Lifestyle

Hotel de luxo será inagurado no Palácio de Versalhes

iStock

iStock

O Palácio de Versalhes, um dos principais pontos turísticos da França, passará a ter um hotel boutique de luxo em suas propriedades. No último inverno, a mídia local Journal du Dimanche anunciou que, devido a cortes no orçamento, que foi de £ 47,4 milhões para £ 40,5 milhões, o palácio foi forçado a procurar por outra fonte para sustentar suas despesas. Como resultado, foi lançado um edital para que interessados apresentem projetos para transformar três prédios do Chateau em um novo hotel, com a intenção de gerar receita extra.

O Chateau de Versailles, do Rei Luís XIV, o Rei Sol, é uma obra-prima da arte clássica francesa. Situado nas periferias de Paris, o palácio recebe sete milhões de visitantes por ano, o que faz dele um dos pontos que mais recebem atenção no país. Originalmente construído para ser uma hospedagem de caça, o palácio se tornou a residência principal do Rei e, consequentemente, o centro do poder de 1682 até a Revolução Francesa, em 1789.

VEJA TAMBÉM: Resort de luxo assume obras de hotel no museu Inhotim

Fora da área do Chateau, na rua da l’Indépendence Américaine, o hotel terá cerca de 2.800 m² e incorporará os prédios do Petit Controle e do Pavillon des premières cent marches, assim como do Hotel du Grand Controle. O custo para restaurar os prédios, que estão em um sério estado de ruína, e transformá-los em um hotel, é estimado em algo entre £ 8 milhões e £ 14 milhões.

A população de Versailles está esperançosa com o novo projeto e apoia a iniciativa. “Transformar esses prédios que estão desmoronando em um hotel é uma ótima maneira de restaurá-los – eles são uma parte importante do nosso patrimônio, então não deveríamos deixar que eles desmoronem”, diz o residente Mr. Fabien Martin. “Há mais coisas lindas em Versailles além do Chateau, então esse hotel deve trazer mais dinamismo à velha área vizinha ao palácio.”

LEIA MAIS: Durma a céu aberto em um super-resort ecológico em Bangcoc

Construído em 1681 por Jules Hardouin-Mansart para o duque de Beauvillier, o Hotel du Grand Controle, apesar do seu nome, nunca foi um hotel, mas era usada como a casa do ministro das finanças do rei. Também serviu como hospedagem para várias figuras históricas francesas. Os planos para transformar o prédio, em desuso desde 2008, em um hotel boutique de 23 quartos foram instigados originalmente em 2011 e logo abandonados.

iStock

iStock

Pouco se sabe sobre o novo projeto, mas alguns quartos terão vistas privilegiadas da Orangerie do Chateau, onde centenárias laranjeiras, limoeiros e árvores de romã são dispostas em linhas entre canteiros de flores, transformando o jardim à francesa em uma das principais conquistas de Mansart.

FOTOS: 10 hotéis de luxo com vistas incríveis

O domínio de Versalhes poderá divulgar mais detalhes do projeto assim que o resultado do edital for anunciado, previsto para o final do ano.

Comentários
Topo