Lifestyle

Por que você deve investir em caixas de som de R$ 23 mil

Detalhe da Phantom Gold, que tem 4500W de potência (Foto:Divulgação)

Caixa de som, definitivamente, não é tudo igual. Um bom equipamento faz toda a diferença na hora de apreciar uma gravação rara ou um show registrado com tecnologia 4k. Com o gadget certo, é possível ter a experiência de uma apresentação dentro de casa.

Com foco em proporcionar a melhor experiência em música, a marca francesa Devialet oferece o que há de mais premium. A marca foi fundada há 10 anos por um trio de profissionais com backgrounds diferentes: Quentin Sannié, empreendedor; Pierre-Emmanuel Calmel, engenheiro; e Emmanuel Nardim, designer. A combinação resultou em um fabricante de amplificadores compactos e altamente tecnológicos e avançados, que, atualmente, lidera o mercado de sound system de alta qualidade.

A eficiência é fruto de uma combinação de três tecnologias de ponta. A primeira é a nova classe de amplificação criada e patenteada pela empresa, batizada de ADH Intelligence. O sistema de microprocessamento híbrido une a sofisticação do sistema analógico à potência e compactabilidade do digital.

O primeiro modelo da linha Phantom (Foto: Divulgação)

A segunda é a caixa inteira selada do Phantom, que tem concepção esférica, o que torna a emissão de som omnidirecional. Já o sistema HBI (Heart Bass Implosion) é uma exclusividade da linha que permite ultrapassar as limitações das caixas tradicionais e garantir sons ultra-graves por meio de movimentação lateral à alta pressão.

O resultado é zero distorção de áudio, zero saturação e zero barulho de fundo, entre 14Hz e 27kHz. Outro diferencial é a capacidade de reproduzir sons que só poderiam ser escutados em caixas 20 vezes maiores e, consequentemente, muito mais caras.

Vista frontal da Phantom Gold (Foto: Divulgação)

O soundsystem funciona por meio de Wi-Fi, bluetooth, ethernet ou cabo de fibra ótica, compatível com gadgets como smartphone, tablet, computador e televisão.

A série superpremium é apresentada em três modelos: Phantom, Silver e Gold, cada um com, respectivamente, 750W, 3000W e 4500W de potência. O Gold, lançado em 2016, é o mais recente e com maior potência. Todos eles são compactos e discretos, com formato similar ao de uma cápsula. As laterais, no entanto, são diferentes: o Gold tem detalhe banhado a ouro rosa 22 quilates e o Silver vem em aço escovado.

No Brasil, a primeira geração do Phantom está à venda por R$ 16.990. A versão Silver custa R$ 18.990, enquanto a Gold sai por R$ 22.990. A loja brasileira fica localizada em São Paulo. Há ainda oito pontos de vendas espalhados pelo país.

Veja, no vídeo, todo o processo de fabricação das caixas de som Phantom:

Comentários
Topo