Listas

8 drinques mais caros do mundo

Para quem gosta de bares mais sofisticados, não vê problema em pagar altas quantias em um bom drink. Porém, alguns bares pelo mundo estão tornando suas bebidas itens de luxo, ultrapassando o que se imagina sobre o preço de coquetéis. Algumas delas chegam a valores de bolsas e algumas custam mais caras que alguns carros. Veja quais são os oito drinques mais caros do mundo:

  • 1º) Reka Moscow, Reka Bar, Moscou
    Preço: US$ 50.000 (aproximadamente R$ 151.000)
    A bebida foi o assunto da cidade no evento de abertura do bar. Claro que ele não tem nenhum ingrediente que se espera em um drinque normal. O licor caríssimo tem três diamantes 1,5 quilates, cortesia da Crivelli, joalheria que patrocinou o evento.

  • 2º) Ruby Rose Cocktail, the White Barn Inn, Kennebunk, Maine
    Preço: US$ 40.000 (aproximadamente R$ 120.600)
    Claro que ninguém pagaria esse preço por uma bebida feita de vodka Hangar One, licor St. Germain, suco de grapefruit, suco de romã e água rosa. Mas no fundo do copo com todos esses ingredientes há uma pedra de rubi 4 quilates.

  • 3º) Diamonds are Forever, The Ritz Carlton, Tóquio
    Preço: US$ 22.600 (aproximadamente R$ 68.000)
    Tóquio é conhecida como uma das cidades mais caras do mundo, então não é uma surpresa que um dos drinques de maior valor esteja nela. O Diamonds are Forever é uma mistura de vodka Grey Goose com limão espremido e um diamante de um quilate, que custa US$ 16.000. Até hoje, apenas dois deles foram vendidos.

  • 4º) The Gigi, Gigi’s restaurant, Mayfair, Londres
    Preço: US$ 14.500 (aproximadamente R$ 44.000)
    A bebida foi inspirada na carismática atriz Grace Jones. Apesar de aparecer um tradicional champagne, ela é feita com uma garrafa de Vintage Cristal de 1990 e uma garrada de Samalens Vieille Reque Vintage Bas Armagnac, de 1888, conhecida como “ouro liquido”.

  • 4º) The Gigi, Gigi’s restaurant, Mayfair, Londres
    Preço: US$ 14.500 (aproximadamente R$ 44.000)
    A bebida foi inspirada na carismática atriz Grace Jones. Apesar de aparecer um tradicional champagne, ela é feita com uma garrafa de Vintage Cristal de 1990 e uma garrada de Samalens Vieille Reque Vintage Bas Armagnac, de 1888, conhecida como “ouro liquido”.

  • 6º) Ono Champagne Cocktail, Encore Wynn, Las Vegas
    Preço: US$ 10.000 (aproximadamente R$ 30.000)
    Esse drinque foi pensando para homens e mulheres e vem com um conjunto de abotoaduras e um colar de ouro, diamante e pérolas. O coquetel também inclui o Champagne Charlie 1981, que custa US$ 500, além do conhaque Rémy Martin Louis XVIII Black Pearl, damasco puro e suco de laranja.

  • 7º) Martini on the Rock, Algonquin Hotel, Nova York
    Preço: US$ 10.000 (aproximadamente R$ 30.000)
    É a bebida mais cara de Nova York! O diamante é tão valioso que é preciso fazer uma reserva com três dias de antecedência com o joalheiro. Dependendo do diamante que for escolhido para estar dentro do Martini, a bebida pode chegar a US$ 15.000

  • 8º) Salvatore’s Legacy, Salvatore at Playboy, Londres
    Preço: US$ 8.316 (aproximadamente R$ 25.000)
    A bebida era feita, originalmente, por Calabrese no The Playboy Club, em Mayfair, e foi comprada com um cliente do bartender. Ela é feita de conhaque Clos de Griffier Vieux 1788, licor Kummel 1770, Dubb Orange Curacao 1860 e duas gotar de Angostura Bitter 1900. É o brinque mais antigo do mundo.

1º) Reka Moscow, Reka Bar, Moscou
Preço: US$ 50.000 (aproximadamente R$ 151.000)
A bebida foi o assunto da cidade no evento de abertura do bar. Claro que ele não tem nenhum ingrediente que se espera em um drinque normal. O licor caríssimo tem três diamantes 1,5 quilates, cortesia da Crivelli, joalheria que patrocinou o evento.

Comentários
Topo