Listas

30 pessoas que estão mudando o mundo em 2016

Os melhores e mais brilhantes: homens e mulheres de negócios que lideram algumas das mais importantes empresas do planeta e estão promovendo significativas mudanças no mundo. Pela primeira vez, FORBES selecionou as 30 pessoas que, mesmo em tempos adversos, conseguem tornar suas companhias lucrativas e relevantes.

RANKING: 70 maiores bilionários do mundo em 2016

Entre as diversas indústrias, a palavra de ordem é inovar. Seja no meio da tecnologia, à frente da maior rede social do mundo (Mark Zuckerberg) ou no comando da criação de carros autônomos e robôs pintores (Larry Page); no mundos dos negócios, ao se tornar o mais astuto negociador da atualidade (Jorge Paulo Lemann); ou na área da saúde, com projetos de sequenciamento de DNA (Jay Flatley) e edição de genoma (Katrine Bosley), os representantes desta lista são o que o empreendedorismo tem de melhor em 2016.

MAIS RANKING: 31 maiores bilionários brasileiros

Para selecionar os participantes, FORBES determinou empresas com valor de mercado acima de US$ 1 bilhão e que vêm apresentado crescimento e inovação.

NÃO PERCA: Os bilionários por trás das marcas do seu dia a dia

Veja na galeria de fotos as 30 pessoas que mais estão mudando o mundo em 2016:

  • Jorge Paulo Lemann

    Cofundador da 3G Capital

    País: Brasil

    O maior bilionário do Brasil tornou-se o grande mestre dos superacordos ao transformar marcas gigantes, como Budweiser, Burger King e Heinz, em verdadeiros centros lucrativos. O segredo é o eficiente método de corte de gastos implementado por ele que obriga todos os gerentes a justificarem todos números de seus orçamentos todos os anos. A margem de operação de 32% da Anheuser-Busch InBev, dona da AmBev, é hoje uma meta invejada na indústria, e deve aumentar ainda mais, para além de US$ 100 bilhões, com a compra da rival SABMiller.

    VEJA TAMBÉM: O maior bilionário de cada país

  • Marc Benioff

    CEO da Salesforce

    País: Estados Unidos

    Pioneiro da computação em nuvem, criou uma empresa que mudou a relação dos clientes com softwares. A receita, que fechou 2015 em US$ 6,7 bilhões, continua a crescer 30%.

  • Jeff Bezos

    Fundador e CEO da Amazon

    País: Estados Unidos

    Primeiro livros, depois varejo. Agora, filmes e dados. Próximo passo: drones e entregas de mercadorias. Bezos parece mudar uma indústria por ano enquanto a Amazon atinge US$ 110 bilhões em vendas globais.

    RANKING: 20 maiores bilionários de tecnologia

  • Sara Blakely

    Fundadora da Spanx

    País: Estados Unidos

    Spanx já se tornou sinônimo de cinta modeladora. Dona de 100% da marca que vendeu US$ 400 milhões no ano passado.

  • Katrine Bosley

    CEO da Editas Medicine

    País: Estados Unidos

    A executiva está à frente da CRISPR, revolucionária tecnologia de edição de genoma que tem chamado atenção por sua facilidade no uso e seu baixo custo.

  • Jay Flatley

    CEO da Illumina

    País: Estados Unidos

    Há pouco tempo, custava cerca de US$ 200.000 para fazer o sequenciamento de DNA de alguém. Hoje, graças à Illumina, o preço caiu para US$ 1.000.

  • Rahul Bhatia

    Cofundador da IndiGo

    País: Índia

    Trouxe o modelo de desconto em linhas aéreas para os países emergentes e tornou-o extremamente lucrativo. Hoje, a IndiGo é a maior empresa do ramo no país.

  • Ilene Gordon

    Fundadora e CEO da Ingredion (alimentação)

    País: Estados Unidos

    Ilene não tem medido esforços para transformar milho, batatas, entre outros, em ingredientes para comida orgânica, sem glúten e organismos sem modificação genética.

  • Terry Gou

    Fundador da Foxconn

    País: Taiwan

    Sem Grou, é provável que você não tivesse um iPhone no seu bolso. Ele transformou a Foconn em uma pequena fornecedora de plástico em uma das maiores produtoras de tecnologia do mundo.

  • Reed Hastings

    Cofundador e CEO da Netflix

    País: Estados Unidos

    Depois de ter se saído muito bem no meio da distribuição de conteúdo, a empresa da Hastings agora produz algumas das mais aclamadas séries do momento.

  • Jen-Hsun Huang

    Cofundador e CEO da Nvidia

    País: Estados Unidos

    Nvidia é conhecida internacionalmente por ter mudado (e melhorado) os gráficos de jogos em computadores. Agora, Huang busca revolucionar outros mercados.

  • Wang Jianlin

    Fundador do Dalia Wanda Group

    País: China

    Wang tornou-se o maior bilionário da China ao saber aproveitar o mercado imobiliário de Pequim. Agora, sua aposta é diversificar de áreas, com a compra da produtora cinematográfica AMC.

  • Alexander Karp

    Cofundador e CEO da Palandir Technologies

    País: Estados Unidos

    Com extensa base de dados, Palandir ajudou governos ao redor do mundo a capturar terroristas e ajudou a identificar rotas de tráfico de drogas e sexual.

  • Osman Kibar

    Fundador e CEO da Samumed

    País: Estados Unidos

    O novo bilionário da biotecnologia conseguiu levantar US$ 270 milhões com a promessa de que Kibar havia descoberto a fonte da juventude, com as potenciais curas para calvície, rugas e joelhos artríticos.

  • Bom Kim

    Fundador e CEO da Coupang

    País: Coreia do Sul

    Formado em Harvard, Kim é a grande ameaça a Bezos no Oriente com o e-commerce de crescimento mais rápido da Coreia do Sul.

  • Jack Ma

    Fundador da Alibaba

    País: China

    A maior empresa de internet da China é um grande centro de e-commerce, ao combinar funções da Amazon, eBay e PayPal.

  • John Milligan

    CEO da Gilead Sciences

    País: Estados Unidos

    Ao estudar vírus mais a fundo do que qualquer outra empresa, a Gilead está criando medicações que colocam o HIV em cheque e curam hepatite C em 95% dos pacientes.

  • Peter Holk Nielsen

    CEO da Novozymes

    País: Dinamarca

    Os produtos da campanhia podem impedir o despejo de até 100 milhões de toneladas de dióxido de carbono na atmosfera até 2020.

  • Larry Page

    Cofundador e CEO da Alphabet (Google)

    País: Estados Unidos

    Alphabet não se contenta em ter o maior veículo de buscas da internet: aposta em projetos extremamente inovadores, como carros autônomos, computadores que fazem arte e uma rede de balões que leva internet de alta velocidade a áreas rurais.

  • Cyrus Poonawalla

    Fundador do Serum Institute of India

    País: Índia

    Serum, maior produtora de vacinas do mundo, produz cerca de 1,3 bilhão de doses por ano, que imunizam cerca de um terço das crianças no mundo.

  • Hakan Samuelsson

    CEO da Volvo

    País: Suécia

    A Volvo se comprometeu com protocolo de segurança para que nenhuma pessoa morra ou seja gravemente ferida em um de seus carros até 2020. Agora parte do grupo chinês Geely, a empresa triplicou seu lucro para US$ 780 milhões em 2015.

  • Howard Schultz

    CEO da Starbucks

    País: Estados Unidos

    Schultz transformou a empresa de café em uma lucrativa marca de lifestyle, relacionada a consumidores descolados e inclinados à sustentabilidade. Reverbera nas vendas: subiram 17% para US$ 19,2 bilhões em 2015.

  • Sunny Varkey

    Fundador da GEMS Education

    País: Emirados Árabes

    Varkey nunca foi à faculdade, mas hoje é responsável por uma das maiores redes de educação do mundo, em que parte tem foco de levar estrutura a locais antes inacessíveis.

  • Tadashi Yanai

    Fundador e CEO da Fast Retailing

    País: Japão

    Yanai revolucionou o varejo ao, obsessivamente, diminuir o estoque de seus produtos: nada fica muito tempo na prateleira, é logo trocado por algo novo. Sua receita cresceu 15% por ano nos últimos cinco anos.

Jorge Paulo Lemann

Cofundador da 3G Capital

País: Brasil

O maior bilionário do Brasil tornou-se o grande mestre dos superacordos ao transformar marcas gigantes, como Budweiser, Burger King e Heinz, em verdadeiros centros lucrativos. O segredo é o eficiente método de corte de gastos implementado por ele que obriga todos os gerentes a justificarem todos números de seus orçamentos todos os anos. A margem de operação de 32% da Anheuser-Busch InBev, dona da AmBev, é hoje uma meta invejada na indústria, e deve aumentar ainda mais, para além de US$ 100 bilhões, com a compra da rival SABMiller.

VEJA TAMBÉM: O maior bilionário de cada país

Comentários
Topo