Listas

19 maiores empresas do Brasil em 2016

O Brasil caiu mais uma vez entre os países com mais empresas de capital aberto entre as 2.000 maiores do mundo em 2016. O país tem, neste ano, 19 companhias na “Global 2000”, lista anual de FORBES. No ano passado eram 24.

Assim como o internacional, os bancos continuam a dominar o ranking. A Petrobras manteve-se em quarta e até subiu algumas poucas posições gerais (de 416ª para 411ª). Este resultado, no entanto, continua muito aquém do potencial da companhia que, em 2012, chegou a ocupar o 10º lugar geral.

Para elaborar a “Global 2000” anualmente, FORBES leva em consideração o lucro líquido, as vendas, os ativos e o valor de mercado de grandes empresas de capital aberto no mundo. Veja na galeria de fotos as 19 maiores empresas do Brasil em 2016:

  • 19ª) Grupo Rede Energia

    Valor de mercado: US$ 615 milhões

    Vendas no último ano: US$ 2,1 bilhões

    Setor: energia

    Posição geral: 1991º

  • 18ª) CSN

    Valor de mercado: US$ 5,2 bilhões

    Vendas no último ano: US$ 4,6 bilhões

    Setor: siderúrgico

    Posição geral: 1927º

  • 17ª) BM&F Bovespa

    Valor de mercado: US$ 3,4 bilhões

    Vendas no último ano: US$ 664 milhões

    Setor: financeiro

    Posição geral: 1539º

  • 16ª) Companhia Brasileira de Distribuição (Grupo Pão de Açúcar)

    Valor de mercado: US$ 3,4 bilhões

    Vendas no último ano: US$ 20,7 bilhões

    Setor: varejo

    Posição geral: 1469º

  • 15ª) Oi

    Valor de mercado: US$ 179 milhões

    Vendas no último ano: US$ 8,2 bilhões

    Setor: telecomunicações

    Posição geral: 1464º

  • 14ª) Cemig

    Valor de mercado: US$ 2,6 bilhões

    Vendas no último ano: US$ 6,4 bilhões

    Setor: energia

    Posição geral: 1434º

  • 13ª) Gerdau

    Valor de mercado: US$ 741 milhões

    Vendas no último ano: US$ 13 bilhões

    Setor: metalúrgico

    Posição geral: 1401º

  • 12ª) Eletrobrás

    Valor de mercado: US$ 3,3 bilhões

    Vendas no último ano: US$ 9,8 bilhões

    Setor: energia

    Posição geral: 1248º

  • 11ª) Cielo

    Valor de mercado: US$ 20,6 bilhões

    Vendas no último ano: US$ 3,3 bilhões

    Setor: serviços financeiros

    Posição geral: 1091º

  • 10ª) Braskem

    Valor de mercado: US$ 5,2 bilhões

    Vendas no último ano: US$ 14,2 bilhões

    Setor: químico

    Posição geral: 951º

  • 9ª) Ultrapar

    Valor de mercado: US$ bilhões

    Vendas no último ano: US$ bilhões

    Setor: energia

    Posição geral: 944º

  • 8ª) BRF

    Valor de mercado: US$ 10,9 bilhões

    Vendas no último ano: US$ 9,6 bilhões

    Setor: alimentos

    Posição geral: 891º

  • 7ª) ItaúSA

    Valor de mercado: US$ 15,6 bilhões

    Vendas no último ano: US$ 1,5 bilhão

    Setor: bancário

    Posição geral: 882º

  • 6ª) Vale

    Valor de mercado: US$ 26 bilhões

    Vendas no último ano: US$ 25,6 bilhões

    Setor: mineração

    Posição geral: 559º

  • 5ª) JBS

    Valor de mercado: US$ 7 bilhões

    Vendas no último ano: US$ 48,8 bilhões

    Setor: alimentos

    Posição geral: 519º

  • 4ª) Petrobras

    Valor de mercado: US$ 42,1 bilhões

    Vendas no último ano: US$ 96,3 bilhões

    Setor: petróleo e gás

    Posição geral: 411º

  • 3ª) Banco do Brasil

    Valor de mercado: US$ 17 bilhões

    Vendas no último ano: US$ 65,6 bilhões

    Setor: bancário

    Posição geral: 153º

  • 2ª) Bradesco

    Valor de mercado: US$ 41,5 bilhões

    Vendas no último ano: US$ 65,9 bilhões

    Setor: bancário

    Posição geral: 78º

  • 1ª) Itaú

    Valor de mercado: US$ 50,5 bilhões

    Vendas no último ano: US$ 50,9 bilhões

    Setor: bancário

    Posição geral: 63º

19ª) Grupo Rede Energia

Valor de mercado: US$ 615 milhões

Vendas no último ano: US$ 2,1 bilhões

Setor: energia

Posição geral: 1991º

Comentários
Topo