Listas

4 setores que fugiram da crise em 2015

O ano de 2015 foi difícil. Na área de construção civil, por exemplo, foram cortados 483.000 vagas no período (14,56% do efetivo no ano anterior), o que fez a quantidade de total de trabalhadores dessa indústria recuar ao nível de maio de 2010, segundo o Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo (SindusCon).

SAIBA MAIS: Como dois bilionários brasileiros alcançaram bons resultados na crise

O setor não foi o único, mas algumas indústrias foram na contramão. Veja na galeria de fotos quatro setores que fugiram da crise em 2015:

  • Calçadista

    A indústria brasileira de calçados exportará muito em 2016 — mais especificamente, 30% a mais do que no ano passado.

  • Celulose

    Em 2015, a receita com exportações atingiu US$ 7,8 bilhões — 6% a mais que no ano anterior. Em janeiro de 2016, alta de 16% sobre o janeiro anterior.

  • Espumantes

    A venda do produto nacional expandiu-se 16,5% entre janeiro e novembro de 2015. Já a fabricação nacional de vinhos finos cresceu 4% em 2015.

  • Têxtil e confecções

    Deve crescer 5%. Perto de 200 milhões de peças de vestuário e 200 mil toneladas de tecidos, antes importados, serão feitos aqui.

Calçadista

A indústria brasileira de calçados exportará muito em 2016 — mais especificamente, 30% a mais do que no ano passado.

Comentários
Topo