Listas

14 atletas mais bem pagos da Olimpíada Rio 2016

Mais de 11.000 atletas pisarão em solo brasileiro nesse mês de gosto para participar dos Jogos Olímpicos de 2016. Para a maioria dos heróis olímpicos, é uma luta diária para trabalhar e achar tempo para treinar por seus sonhos olímpicos. Um estudo sobre os atletas norte-americanos mostrou que metade dos ranqueados entre os 10 melhores de seus esportes nos EUA ganhavam, de todas as fontes de renda (incluindo patrocínios e prêmios em dinheiro), menos de US$ 15.000 por ano.

LEIA MAIS: 25 atletas mais bem pagos do mundo em 2016

Mas quando o Comitê Olímpico Internacional permitiu que atletas profissionais competissem nas Olimpíadas de verão de 1986, portas foram abertas para outro tipo de atleta: o ícone global que pratica algum esporte famoso. Compare os atletas que suam as camisas (literalmente) para pagar suas contas com dois outros atletas olímpicos do Rio – Kevin Durant e Novak Djokovic. Eles querem ganhar medalhas de ouro esse mês, mas os dois ganharam mais de US$ 150.000 por dia nos últimos 12 meses.

LEIA MAIS: Chega de falar apenas dos problemas do Rio às vésperas da Olimpíada

Profissionais ao redor do mundo e distribuídos em todos os esportes, com exceção da luta olímpica, podem participar das Olimpíadas, essa sendo a primeira vez dos boxeadores. A ideia de pureza e amadorismo nos Jogos Olímpicos não existe há muito tempo. Há 14 atletas competindo em cinco esportes, que ganharam mais de US$ 18 milhões entre junho de 2015 e junho de 2016, de acordo com FORBES. Coletivamente, todos esses atletas embolsaram US$ 447 milhões, ou uma média de US$ 32 milhões, 58% sendo apenas de patrocínios.

E MAIS: Os jogadores de futebol que mais ganham por gol

Neymar, único representante brasileiro, e o tenista espanhol Rafael Nadal ganharam US$ 37,5 milhões no ano passado e não estão em primeiro lugar. Todo time de futebol tem um limite de 3 jogadores acima de 23 anos para levar às Olimpíadas. Aos 24 anos, ele é a esperança do Brasil, que nunca ganhou uma medalha de ouro no esporte. Nadal não tem competido desde março, mas está treinando no Brasil e tem esperanças de jogar partidas de simples, duplas e duplas mistas.

NÃO PERCA: 23 times de futebol de bilionários

Alguns dos rostos que aparecem frequentemente entre os atletas mais bem pagos do mundo não estão no Rio de Janeiro. LeBron James (US$ 77,2 milhões) competiu nas últimas três Olimpíadas – vencendo três medalhas de ouro, mas decidiu tirar esse ano para descansar. Roger Federer (US$ 67,8 milhões) estava ansioso para competir em sua quinta Olimpíada, mas anunciou mês passado que não participaria devido a uma cirurgia no joelho, realizada no começo do ano.

Veja na galeria de fotos os 14 atletas mais bem pagos da Olimpíada Rio 2016:

  • 14°) Rickie Fowler

    Esporte: Golfe
    País: Estados Unidos
    Ganho total:US$ 18,5 milhões
    Salário/Pagamentos: US$ 7,5 milhões
    Patrocínio: US$ 11 milhões

  • 13º) DeAndre Jordan

    Esporte: basquete
    País: Estados Unidos
    Ganho total: US$ 20,5 milhões
    Salário/Pagamentos: US$ 19,7 milhões
    Patrocínio: US$ 750.000

  • 12º) Jimmy Butler

    Esporte: basquete
    País: Estados Unidos
    Ganho total: US$ 20,6 milhões
    Salário/Pagamentos: US$ 19,9 milhões
    Patrocínio: US$ 750.000

  • 11º) Andy Murray

    Esporte: tênis
    País: Reino Unido
    Ganho total: US$ 23 milhões
    Salário/Pagamentos: US$ 8 milhões
    Patrocínio: US$ 15 milhões

  • 10º) Paul George

    Esporte: basquete
    País: Estados Unidos
    Ganho total: US$ 24,1 milhões
    Salário/Pagamentos: US$ 17,1 milhões
    Patrocínio: US$ 7 milhões

  • 9º) Kyrie Irving

    Esporte: basquete
    País: Estados Unidos
    Ganho total: US$ 27,6 milhões
    Salário/Pagamentos: US$ 16,6 milhões
    Patrocínio: US$ 11 milhões

  • 8º) Serena Williams

    Esporte: tênis
    País: Estados Unidos
    Ganho total: US$ 28,9 milhões
    Salário/Pagamentos: US$ 8,9 milhões
    Patrocínio: US$ 20 milhões

  • 7º) Carmelo Anthony

    Esporte: basquete
    País: Estados Unidos
    Ganho total: US$ 30,9 milhões
    Salário/Pagamentos: US$ 22,9 milhões
    Patrocínio: US$ 8 milhões

  • 6º) Usain Bolt

    Esporte: atletismo
    País: Jamaica
    Ganho total: US$ 32,5 milhões
    Salário/Pagamentos: US$ 2,5 milhões
    Patrocínio: US$ 30 milhões

  • 5º) Kei Nishikori

    Esporte: tênis
    País: Japão
    Ganho total: US$ 33,5 milhões
    Salário/Pagamentos: US$ 3,5 milhões
    Patrocínio: US$ 30 milhões

  • 4º) Rafael Nadal

    Esporte: tênis
    País: Espanha
    Ganho total: US$ 37,5 milhões
    Salário/Pagamentos: US$ 5,5 milhões
    Patrocínio: US$ 32 milhões

  • 3º) Neymar

    Esporte: futebol
    País: Brasil
    Ganho total: US$ 36,5 milhões
    Salário/Pagamentos: US$ 14,5 milhões
    Patrocínio: US$ 23 milhões

  • 2º) Novak Djokovic

    Esporte: tênis
    País: Sérvia
    Ganho total: US$ 55,8 milhões
    Salário/Pagamentos: US$ 21,8 milhões
    Patrocínio: US$ 34 milhões

  • 1º) Kevin Durant

    Esporte: basquete
    País: Estados Unidos
    Ganho total: US$ 56,2 milhões
    Salário/Pagamentos: US$ 20,2 milhões
    Patrocínio: US$ 36 milhões

14°) Rickie Fowler

Esporte: Golfe
País: Estados Unidos
Ganho total:US$ 18,5 milhões
Salário/Pagamentos: US$ 7,5 milhões
Patrocínio: US$ 11 milhões

Comentários
Topo