Listas

7 países europeus que mais investem em startups

Há tempos Berlim é a joia da coroa na cena de startups da Europa. Investimentos em novas companhias vêm sido injetados na economia da capital alemã por anos. Mas, de acordo com uma pesquisa da consultoria EY, a capital alemã não é mais a cidade do Velho Continente que mais incentiva esta cultura.

LEIA MAIS: Os Estados brasileiros com mais bilionários

Berlim sofreu uma grande queda nos investimentos da primeira metade de 2015 à primeira metade de 2016, o suficiente para perder a majestade – em seu lugar, agora, fica Londres, com € 1,3 bilhão de investimento nos últimos seis meses – um crescimento de € 289 milhões se comparado ao mesmo período de 2015.

  • 1º) Grã-Bretanha

    Primeira metade de 2016: € 2,194 bilhões

    Primeira metade de 2015: € 1,446 bilhão

    Principal cidade no mercado de startups: Londres – € 1,320 bilhão

  • 2º) Suécia

    Primeira metade de 2016: € 1.048 bilhões

    Primeira metade de 2015: € 872 milhões

    Principal cidade no mercado de startups: Estocolmo – € 1,011 bilhão

  • 3º) Alemanha

    Primeira metade de 2016: € 957 bilhões

    Primeira metade de 2015: € 1,985 bilhão

    Principal cidade no mercado de startups: Berlim – € 520 milhões

  • 4º) França

    Primeira metade de 2016: € 964 milhões

    Primeira metade de 2015: € 759 milhões

    Principal cidade no mercado de startups: Paris – € 673 milhões

  • 5º) Espanha

    Primeira metade de 2016: € 248 milhões

    Primeira metade de 2015: € 60 milhões

    Principal cidade no mercado de startups: Madrid – € 149 milhões

  • 6º) Irlanda

    Primeira metade de 2016: € 238 milhões

    Primeira metade de 2015: € 69 milhões

    Principal cidade no mercado de startups: Dublin – € 229 milhões

  • 7º) Holanda

    Primeira metade de 2016: € 199 milhões

    Primeira metade de 2015: € 49 milhões

    Principal cidade no mercado de startups: Naarden – € 88 milhões

1º) Grã-Bretanha

Primeira metade de 2016: € 2,194 bilhões

Primeira metade de 2015: € 1,446 bilhão

Principal cidade no mercado de startups: Londres – € 1,320 bilhão

Comentários
Topo