Listas

10 imóveis mais caros vendidos nas principais cidades dos EUA

Os Estados Unidos possuem belíssimas mansões, terrenos e coberturas que valem fortunas. Cidades como Los Angeles e Nova York têm residências na lista das mais caras vendidas nos municípios mais populosas da América do Norte, onde os preços dos imóveis podem chegar a US$ 100 milhões.

VEJA MAIS: Mansão mais cara dos EUA custa US$ 200 milhões

Para achar os maiores e mais caros imóveis comprados em cada cidade, foram consultados sites de imóveis como o Zillow, Trulia, Realtor.com e Redfin. Os preços foram confirmados diretamente com os agentes locais e, quando possível, nos registros de propriedade pública.

Veja na galeria de fotos os imóveis mais caros vendidos nas cidades mais populosas dos Estados Unidos:

  • Cidade: Nova York

    População: 8,6 milhões

    Valor médio dos imóveis: US$ 587.200

    Casa mais cara de 2016: localizada na 432 Park Avenue, na torre recém-construída de 426 metros de altura, a cobertura foi vendida por US$ 87,7 milhões em setembro.

    Recorde local: A cobertura do prédio One57 foi vendida por US$ 100,5 milhões, em 2005.

  • Cidade: Los Angeles (empatada)

    População: 4 milhões

    Valor médio dos imóveis: US$ 590.400

    Casa mais cara de 2016: Daren Metropoulos, filho do bilionário C. Dean Metropoulos, comprou a Mansão Playboy em junho por US$ 100 milhões, sendo esse o recorde local.

    Recorde local: Mansão Playboy e imóvel recém-construído na 301 N Carolwood Drive foram vendidos por US$ 100 milhões, em junho e outubro deste ano, respectivamente.

  • Cidade: Los Angeles (empatada)

    População: 4 milhões

    Valor médio dos imóveis: US$ 590.400

    Casa mais cara de 2016: o bilionário Tom Gores fez um acordo de US$ 100 milhões para comprar um imóvel recém-construído na 301 N Carolwood Drive em outubro.

    Recorde local: Mansão Playboy e imóvel recém-construído na 301 N Carolwood Drive foram vendidos por US$ 100 milhões, em junho e outubro deste ano, respectivamente.

  • Cidade: Chicago

    População: 2,7 milhões

    Valor médio dos imóveis: US$ 214.400

    Casa mais cara de 2016: o imóvel é um apartamento localizado na Waldorf Astoria, vendido por US$ 11,7 milhões em julho.

    Recorde local: a cobertura localizada na Park Tower foi vendida por US$ 18,75 milhões em 2015.

  • Cidade: Houston

    População: 2,3 milhões

    Valor médio dos imóveis: US$ 174.800

    Casa mais cara de 2016: o imóvel palaciano de 1486 metros quadrados foi vendido em maio por um preço final de US$ 14,495 milhões.

    Recorde local: o Texas não exige registro de propriedade que mostre os preços de venda.

  • Cidade: Philadelphia

    População: 1,6 milhão

    Valor médio dos imóveis: US$ 131.100

    Casa mais cara de 2016: um comprador desconhecido concordou em pagar US$ 17,85 milhões em uma cobertura na 500 Walnut, em junho. Se o acordo foi feito, esse será o recorde do local.

    Recorde local: US$ 17,85 milhões em uma cobertura na 500 Walnut, em junho deste ano, caso o negócio tenha sido finalizado.

  • Cidade: Phoenix

    População: 1,6 milhão

    Valor médio dos imóveis: US$ 197.500

    Casa mais cara de 2016: Uma fazenda do século 18 foi vendida por US$ 7,2 milhões em abril. O comprador dividiu a propriedade em três lotes, vai renovar a casa principal e colocará à venda novamente por US$ 6,5 milhões.

    Recorde local: uma casa localizada em Paradise Valley foi vendida em 2008 por US$ 14 milhões.

  • Cidade: San Antonio

    População: 1,5 milhão

    Valor médio dos imóveis: US$ 154.400

    Casa mais cara de 2016: em fevereiro, uma propriedade de 108 anos mudou de dono pela quarta vez por um valor de US$ 2,6 milhões.

    Recorde local: uma casa de cinco quartos foi vendida em 2010 por US$ 3,6 milhões. Localizada na Grandview, 701, ela recentemente voltou a mercado por US$ 6 milhões.

  • Cidade: San Diego

    População: 1,4 milhão

    Valor médio dos imóveis: US$ 542.500

    Casa mais cara de 2016: em fevereiro, a casa localizada na Kellogg Way, 3203, foi vendida por US$ 17,7 milhões.

    Recorde local: T. Boone Pickens comprou um imóvel em Del Mar, em 2007, por US$ 35 milhões.

  • Cidade: Dallas

    População: 1,3 milhão

    Valor médio dos imóveis: US$ 153.900

    Casa mais cara de 2016: em janeiro, o bilionário Andrew Beal comprou um terreno de 101.171 metros quadrados por US$ 100 milhões. Depois, em março, ele comprou um terreno de 24.281 metros quadrados que valiam US$ 59,5 milhões.

    Recorde local: Os registros de propriedade não divulgam o preço da venda.

Cidade: Nova York

População: 8,6 milhões

Valor médio dos imóveis: US$ 587.200

Casa mais cara de 2016: localizada na 432 Park Avenue, na torre recém-construída de 426 metros de altura, a cobertura foi vendida por US$ 87,7 milhões em setembro.

Recorde local: A cobertura do prédio One57 foi vendida por US$ 100,5 milhões, em 2005.

Comentários
Topo