Listas

Conheça 13 bilionários recém-chegados ao ranking 2017

Às vezes, a estrada para a fortuna é pavimentada com tequila, equipamentos de hiking ou até brinquedos. Estes são alguns dos produtos responsáveis por criar 195 bilionários no ano passado, todos eles recém-chegados ao ranking FORBES 2017. Enquanto os segmentos de imóveis, finanças e tecnologia são alguns dos caminhos mais comuns para os integrantes do ranking, há quem opte por outras maneiras de construir seu patrimônio, como o lançamento de companhias aéreas e criação de agências temporárias.

Fortuna média dos recém-chegados deste ano é de US$ 1,5 bilhão

Empreendedores dominam o grupo dos recém-chegados, já que três quartos de seus membros construíram sua fortuna desta maneira. O ranking inclui, por exemplo, Yvon Chouinard, dono e fundador da empresa de roupas esportivas Patagonia. O novo bilionário é alpinista e surfista, e começou a vender ferramentas de escalada em 1965. Oito anos depois, ele abriu a Patagonia em Ventura, na Califórnia, para vender roupas e equipamentos para colegas amantes da natureza. Chouinard faz parte dos 13% dos norte-americanos recém-chegados à lista, ou 25 novos bilionários. Outros 20% são europeus, incluindo o norueguês Torstein Hagen, que começou sua empresa Viking Cruises em 1997.

RANKING GLOBAL: 20 maiores bilionários do mundo em 2017

Mais de 60% dos novos bilionários são da Ásia ou do Pacífico. Entre eles está Manny Stul, cujos pais eram sobreviventes do holocausto e o trouxeram para um campo de refugiados na Austrália quando ele ainda um bebê. 17 anos depois de Stul assumir a Moose Toys, a companhia vende brinquedos em mais de 80 países.

76 novos bilionários são da China, país que registrou o maior número de novos ricaços na lista 2017 do que qualquer outro. Entre eles está Lucy Peng, cofundadora do gigante e-commerce Alibaba. Estima-se que ela tenha 2% das ações do braço de serviços financeiros da empresa, a Ant Financial, que levantou fundos de US$ 60 bilhões, de acordo com relatórios, no ano passado. Lucy, presidente executiva da Ant, é uma das 21 bilionárias chinesas que construíram sua própria fortuna.

RANKING: Conheça os 10 maiores bilionários do mundo ligados à tecnologia

Além dela, outras 24 mulheres aparecem no grupo dos recém-chegados – nove delas também vindas da China. Um dos destaques é a vietnamita Nguyen Thi Phuong Thao, cuja fortuna aumentou graças a sua companhia aérea de baixo custo, a VietJet Air, que abriu capital em fevereiro. Neste seleto time está, ainda, Yoshiko Shinohara, que, em 1973, iniciou uma empresa de recursos humanos em tempo parcial em seu apartamento em Tóquio para ajudar as mulheres a entrarem na mercado de trabalho. Ela se tornou a primeira bilionária a ter conquistado a sua própria fortuna no Japão, depois que o preço das ações da sua empresa, a Temp Holdings, aumentaram 50% no ano passado.

As mais ricas entre as recém-chegadas são as três irmãs norte-americanas que herdaram de seu pai ações da Solil Management, uma imobiliária de Nova York. Amy Goldman Fowler, Jane Goldman e Diane Kemper têm fortunas estimadas de US$ 3 bilhões cada graças ao conglomerado imobiliário que conta com, pelo menos, 400 propriedades.

MAIS RANKING: 20 bilionários mais novos do mundo em 2017

Os mais novos desta lista são os irmãos irlandeses John e Patrick Collison, que cofundaram a Stripe, uma empresa de processamento de pagamentos online. Com 26 e 28 anos, respectivamente, cada um deles tem uma fortuna estimada em US$ 1,1 bilhão graças ao aumento da avaliação da companhia no ano passado – US$ 9,2 bilhões. John é o bilionário self-made man mais rico do mundo. Na sequência está Kevin Systrom, de 33 anos, fundador do Instagram, que tem uma fortuna estimada em US$ 1,2 bilhão. Systrom era dono de 40% da rede social quando o Facebook a comprou por US$ 1 bilhão em 2012. A negociação envolveu ações, que subiram desde então.

A bebida nacional do México alimentou a fortuna do mais novo bilionário do país, Juan Francisco Beckmann Vidal. Aos 77 anos, ele se juntou à lista com um patrimônio estimado em US$ 5,2 bilhões depois que a fabricante de tequila Jose Cuervo abriu seu capital em fevereiro. O negócio, centrado na cidade mexicana de Tequila, está na família por 11 gerações. Vidal está no grupo de 28 bilionários que fizeram fortuna ampliando os negócios recebidos de seus familiares. Outros 16 herdaram suas rqiuezas, mas não fizeram muito com elas.

LEIA MAIS: Conheça a primeira self-made woman do Japão

A fortuna média dos recém-chegados deste ano é de US$ 1,5 bilhão e, juntos, os 195 novatos somam um patrimônio de US$ 302,1 milhões. Esses valores foram calculados levando em consideração os preços das ações e as taxas de câmbio de 17 de fevereiro.

Veja na galeria de fotos os maiores destaques da lista de novos integrantes da edição 2017 do ranking de bilionários de FORBES:

  • 1. Juan Francisco Beckmann Vidal & família

    Fortuna: US$ 5,2 bilhões
    Origem da fortuna: Tequila
    País: México

  • 2. Thai Lee

    Fortuna: US$ 1,6 bilhão
    Origem da fortuna: Provedor de TI
    País: Estados Unidos

  • 3. Sergei Gordeev

    Fortuna: US$ 1,5 bilhão
    Origem da fortuna: Imóveis
    País: Rússia

  • 4. Manny Stul

    Fortuna: US$ 1,4 bilhão
    Origem da fortuna: Brinquedos
    País: Austrália

  • 5. Vijay Shekhar Sharma

    Fortuna: US$ 1,3 bilhão
    Origem da fortuna: Tecnologia para finanças
    País: Índia

  • 6. Nguyen Thi Phuong Thao

    Fortuna: US$ 1,2 bilhão
    Origem da fortuna: Companhia aérea
    País: Vietnã

  • 7. Kevin Systrom

    Fortuna: US$ 1,2 bilhão
    Origem da fortuna: Instagram
    País: Estados Unidos

  • 8. Lucy Peng

    Fortuna: US$ 1,1 bilhão
    Origem da fortuna: Alibaba
    País: China

  • 9. Yoshiko Shinohara

    Fortuna: US$ 1,1 bilhão
    Origem da fortuna: Empresa de RH
    País: Japão

  • 10/11. Patrick e John Collison

    Fortuna: US$ 1 bilhão cada
    Origem da fortuna: Stripe
    País: Irlanda

  • 12. Yvon Chouinard

    Fortuna: US$ 1 bilhão
    Origem da fortuna: Patagonia
    País: Estados Unidos

  • 13. Torstein Hagen

    Fortuna: US$ 1 bilhão
    Origem da fortuna: Cruzeiros
    País: Noruega

1. Juan Francisco Beckmann Vidal & família

Fortuna: US$ 5,2 bilhões
Origem da fortuna: Tequila
País: México

Comentários
Topo