Fotos

10 atletas mais bem pagos com menos de 25 anos

O mundo dos esportes atualmente está super capitalizado graças, principalmente, aos cada vez mais lucrativos acordos com as redes de televisão. Apenas a ESPN vai gastar US$ 3 bilhões em 2017 por sua parcela nos jogos da NFL e da NBA. Os jogadores também ganham cada vez mais, por meio dos contratos milionários.

RANKING: 25 atletas mais bem pagos de 2017

Na liga de beisebol MLB, 39 atletas têm salários de, pelo menos, US$ 20 milhões nesta temporada, enquanto 29 estrelas da NBA atingem o mesmo patamar na campanha 2016-2017. Stephen Curry, 29 anos, vai assinar o que será provavelmente o maior contrato da história da NBA em julho: mais de US$ 200 milhões nos próximos cinco anos.

Apesar dos valores estratosféricos, estrelas mais jovens normalmente recebem pagamentos mais comedidos. As principais ligas de esporte têm escalas salariais para atletas em seus primeiros contratos. Profissionais de beisebol, por exemplo, são obrigados a assinar com apenas um time até sua sexta temporada nas grandes ligas, o que normalmente só acontece quando estão perto dos 30 anos.

E MAIS: 20 times de futebol mais valiosos do mundo

Mesmo que a maioria dos atletas tenha de esperar pela sua hora, alguns fazem fortunas ainda jovens. FORBES publicou sua anual lista dos 100 atletas mais bem pagos do mundo neste mês. O valor de corte para entrar no ranking foi de US$ 21,4 milhões, com média de idade de 31 anos. No entanto, oito atletas que ainda não completaram 26 anos participam da lista, principalmente, jogadores de futebol e de basquete.

Veja, na galeria de fotos abaixo, os 10 atletas mais bem pagos com 25 anos ou menos (os ganhos são entre junho de 2016 e junho de 2017 e incluem salários e patrocínio):

  • 10º) Myles Garrett
    Idade: 21
    Ganho total: US$ 20,7 milhões

    O número 1 da NFL ganhou um bônus de US$ 20,3 milhões em maio por seu contrato com o Cleveland Browns. O total do acordo é de US$ 30,4 milhões por quatro anos. A Adidas também fechou um acordo duradouro com o atleta, que marcou 31 pontos em 34 jogos no Texas A&M.

  • 9º) Paul Pogba
    Idade: 24
    Ganho total: US$ 21,2 milhões

    O atleta trocou o histórico clube italiano Juventus pelo Manchester United com um contrato muito estimulante. Pogba levou para casa US$ 17,2 milhões por jogar 49 partidas e marcar nove gols, além de ter ajudade em outros seis. A Adidas também assinou com ele um contrato de uma década estimado em US$ 45 milhões.

  • 8º) James Rodriguez
    Idade: 25
    Ganho total: US$ 21,9 milhões

    Há pouca dúvida sobre o sucesso do jogador de futebol colombiano fora do campo. Ele assinou novos contratos com a Calvin Klein, Huawei e Libertex no ano passado. O acordo com a Adidas exige que ele seja o número 10 em qualquer time que represente.

  • 7º) Andre Drummond
    Idade: 23
    Ganho total: US$ 22,1 milhões

    O jogador de basquete é o atleta mais novo a aparecer na lista de 100 mais bem pagos. Ele renovou com os Pistons no verão passado (no hemisfério norte) em um contrato de cinco anos de US$ 127 milhões. Drummond também ganha US$ 1 milhão anualmente de patrocinadores como Nike/Jordan, Halo Burger e Kroger.

  • 6º) Bradley Beal
    Idade: 24
    Ganho total: US$ 23,3 milhões

    Beal fez fortuna no verão passado com um contrato com o Washington Wizards avaliado em US$ 127 milhões por cinco anos. O jogador de basquete conquistou a confiança do time marcando muitos pontos e os Wizards conquistaram um número de vitórias que não era visto desde a temporada de 1978-1979: 49 no total.

  • 5º) Harrison Barnes
    Idade: 25
    Ganhos totais: US$ 23,9 milhões

    A estrela do basquete assinou um contrato de US$ 94 milhões por quatro anos com o Mavericks no verão passado. Durante seu primeiro ano em Dallas, marcou uma média de 19,2 pontos por jogo. Além disso, renovou com a Adidas em 2016 por quatro anos.

  • 4º) Anthony Davis
    Idade: 24
    Ganho total: US$ 28,1 milhões

    Davis foi eleito um dos melhores jogadores da temporada de basquete em dois dos últimos três anos e ganhou o título de jogador mais valioso (MVP) do Jogo das Estrelas da NBA após bater um recorde com 52 pontos na edição de 2017. O The Pelicans prenderam seu jogador com um contrato de US$ 127 milhões por cinco anos que começou na temporada de 2016-2017.

  • 3º) Kyrie Irving
    Idade: 25
    Ganho total: US$ 29,9 milhões

    As vendas dos tênis da Nike assinados pela jovem estrela do basquete têm sido um sucesso desde o lançamento do primeiro, em dezembro de 2014. Apenas LeBron James vendeu mais durante o período de 12 meses que terminou em março, de acordo com o NPD Group.

  • 2º) Jordan Spieth
    Idade: 23
    Ganho total: US$ 34,5 milhões

    O jogador de golfe foi o mais novo no Top 100 por dois anos seguidos antes de Andre Drummond entrar na lista este ano. Spieth já ganhou mais de US$ 100 milhões em salários, prêmios, aparições e patrocínios. O atleta tem 10 patrocinadores, entre eles Under Armour, AT&T, Coca-Cola, Titleist e Rolex. Seu último acordo foi com a marca Wheaties, da General Mills. Ele é o quarto atleta da modalidade a aparecer nas caixas de cereal, unindo-se a Arnold Palmer, Jack Nicklaus e Tiger Woods. A Under Armour lançou o primeiro sapato de golfe assinado por Spieth este ano, com um tour global por quatro cidades que começou em Tóquio em janeiro. Spieth ganhou US$ 29 milhões de patrocinadores e por aparições nos últimos 12 meses.

  • 1º) Neymar
    Idade: 25
    Ganho total: US$ 37 milhões

    O prodígio brasileiro é o atleta mais bem pago da lista de 25 anos ou menos. O contrato atual da estrela do futebol o prende ao Barcelona até 2021. Ele é o único jogador do esporte que ganha mais fora do que dentro de campo, incluindo rendimentos vindos de patrocinadores como Nike, Gillette, Panasonic e Beats by Dre.

10º) Myles Garrett
Idade: 21
Ganho total: US$ 20,7 milhões

O número 1 da NFL ganhou um bônus de US$ 20,3 milhões em maio por seu contrato com o Cleveland Browns. O total do acordo é de US$ 30,4 milhões por quatro anos. A Adidas também fechou um acordo duradouro com o atleta, que marcou 31 pontos em 34 jogos no Texas A&M.

Comentários
Topo