Saiba como é a conexão de banda larga em 8 países

Um novo estudo do IHS Markit, empresa que fornece dados e análises para ajudar indústrias e mercados em relação aos desafios econômicos, e da Wireless Broadband Alliance, associação que tem como objetivo promover a indústria de wi-fi, revelou que 1,75 milhão de pessoas nas oito nações mais ricas do mundo ainda não têm acesso à conexão de banda larga. Deste total, 34% são moradores dos centros urbanos. A tendência é muito mais acentuada nos países em desenvolvimento maiores – 38% da população urbana do Brasil, por exemplo, foi classificada com desconectada. Algumas cidades chinesas também têm sérios problemas quando se trata de banda larga – 34% dos cidadãos que vivem nas cidades ainda estão desconectados.

LEIA TAMBÉM: 10 países onde a internet é mais rápida

Curiosamente, os Estados Unidos têm uma taxa maior de indivíduos urbanos desconectados do que a Rússia. Menos de um quarto dos norte-americanos que vivem nas cidades ainda sofrem com a falta de acesso à banda larga. As taxas mais baixas foram encontradas no Japão (15%), Reino Unido (13%) e Alemanha (11,5%).

Veja, na galeria de fotos, a porcentagem da população urbana sem acesso à internet de banda larga em 8 países ao redor do mundo:

  • Brasil: 38,2%

  • China: 34,4%

  • Índia: 31,1%

  • Rússia: 23,6%

  • Estados Unidos: 23,3%

  • Japão: 15%

  • Reino Unido: 13%

  • Alemanha: 11,5%

Brasil: 38,2%

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).