Carreira

10 melhores universidades para mestrados em gerenciamento

Criado para suprir a crescente demanda por especializações voltadas para negócios, os cursos de mestrado em gerenciamento são considerados uma alternativa aos MBAs e têm se tornado cada vez mais populares, principalmente entre profissionais que trabalham em grandes empresas.

VEJA TAMBÉM: 10 melhores universidades do mundo para mestrado em finanças

De olho no segmento, a Quacquarelli Symonds, empresa especializada em classificações universitárias realizadas anualmente, elaborou um ranking com os melhores programas de mestrado em gerenciamento do mundo. O QS Business Masters Rankings 2018 indica as melhores instituições de ensino de negócios para estudar gerenciamento, finanças e análise de negócios.

Para o levantamento, a QS utiliza dados coletados em pesquisas e avalia as instituições de acordo com cinco métricas: empregabilidade, resultados de ex-alunos, valor, ensino de liderança e diversidade.

Veja, na galeria a seguir, as 10 melhores universidades do mundo para mestrado em gerenciamento:

  • 10) Universidade de St. Gallen – Suíça
    Nota geral: 74,9

  • 9) Escola de Negócios de Copenhague – Dinamarca
    Nota geral: 75,2

  • 8) CEMS Aliança Global de Educação de Gerenciamento- Internacional
    Nota geral: 76,4

  • 7) Escola de Economia de Londres – Inglaterra
    Nota geral: 80,6

  • 6) IE Escola de Negócios – Espanha
    Nota geral: 85,3

  • 5) Colégio Imperial de Londres – Inglaterra
    Nota geral: 85,8

  • 4) ESSEC Escola de Negócios – França
    Nota geral: 86,6

  • 3) ESADE – Espanha
    Nota geral: 90,7

  • 2) Escola de Negócios de Londres – Inglaterra
    Nota geral: 91

  • 1) HEC Escola de Negócios de Paris – França
    Nota geral: 93,6

10) Universidade de St. Gallen – Suíça
Nota geral: 74,9

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br)

Comentários
Topo