10 cidades mais visitadas do mundo

O último relatório do Euromonitor, citado no Fórum Econômico Mundial, revelou as cidades mais visitadas do mundo em 2017. Hong Kong está, mais uma vez, na liderança, graças, principalmente, às visitas domésticas da China continental. No ano passado, 26,6 milhões de pessoas passaram, pelo menos, uma noite na ilha, uma diferença grande em relação ao segundo lugar, Bangcoc, que recebeu 21,2 milhões de turistas.

LEIA MAIS: 10 cidades onde os hotéis tem as diárias mais caras do mundo

Londres quebra a hegemonia da Ásia no Top 5: a metrópole britânica atraiu 19,2 milhões de pessoas no ano passado. Na lista completa, que inclui 100 cidades, o Rio de Janeiro – a única cidade brasileira da lista – ocupa a 88a posição, com 2,2 milhões de visitantes no mesmo período.

Veja, a seguir, as 10 cidades mais visitadas do mundo em 2017:

  • 88) Rio de Janeiro (Brasil)
    Número de visitantes em 2017: 2,2 milhões

  • 10) Kuala Lumpur (Malásia)
    Número de visitantes em 2017: 12,3 milhões

  • 9) Shenzhen (China)
    Número de visitantes em 2017: 12,6 milhões

  • 8) Nova York (Estados Unidos)
    Número de visitantes em 2017: 12,7 milhões

  • 7) Paris (França)
    Número de visitantes em 2017: 14,4 milhões

  • 6) Dubai (Emirados Árabes Unidos)
    Número de visitantes em 2017: 14,9 milhões

  • 5) Macau (China)
    Número de visitantes em 2017: 15,4 milhões

  • 4) Cidade de Singapura (Singapura)
    Número de visitantes em 2017: 16,6 milhões

  • 3) Londres (Inglaterra)
    Número de visitantes em 2017: 19,2 milhões

  • 2) Bangcoc (Tailândia)
    Número de visitantes em 2017: 21,2 milhões

  • 1) Hong Kong (China)
    Número de visitantes em 2017: 26,6 milhões

88) Rio de Janeiro (Brasil)
Número de visitantes em 2017: 2,2 milhões

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br)

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).