10 jogadores mais bem pagos da NBA em 2018

A NBA está cheia de dinheiro graças ao início de um novo contrato de US$ 24 bilhões com a ESPN e com a TNT na última temporada. As receitas elevadas aumentaram o teto salarial da liga para US$ 99 milhões neste ano, sendo que os jogadores têm direito a quase metade da receita segundo acordo coletivo. Como resultado, 42 jogadores têm salários de, pelo menos, US$ 20 milhões nesta temporada.

LEIA: Os 10 times mais valiosos da NBA

Ainda que contratos anuais de mais de US$ 20 milhões sejam agora a norma para estrelas da NBA, a maior fonte de renda vem dos tênis assinados pelos jogadores, com 11 deles ganhando cerca de US$ 9 milhões por ano.

Nenhum jogador na ativa vende mais tênis do que LeBron James, que faz parte do catálogo da Nike desde que entrou na liga em 2003. O atleta ganha mais de US$ 30 milhões anualmente da Nike, e seu acordo vitalício com a Beaverton, a gigante de sapatos do Oregon, pode fazer com que ele se torne um bilionário, segundo seu empresário Maverick Carter.

James é o jogador mais bem pago da NBA pelo quarto ano seguido, com US$ 85,3 milhões, formados por US$ 52 milhões ganhos fora das quadras, com patrocínios e royalties. Atualmente, os patrocinadores do jogador são Nike, Coca-Cola (Sprite), Beats By Dre, Nike, Kia Motor, Intel e Blaze Pizza. Além desses contratos, James foi um dos investidores iniciais da Blaze e é também franqueado. Seu grupo de investimentos, que inclui Carter, tem atualmente 17 franquias da Blaze em Chicago e no sul da Flórida e outras sete em desenvolvimento. O crescimento meteórico de duas para 200 unidades em quatro anos fez dela a cadeia de restaurantes de crescimento mais rápido de todos os tempos.

Os ganhos listados no ranking incluem salários para a temporada 2017-2018 e estimam rendimentos fora das quadras com patrocínios, licenciamentos, royalties, aparições e acordos de mídia. Os 10 primeiros colocados ganharam, ao todo, US$ 493 milhões, 10% a mais do que na temporada passada.

VEJA TAMBÉM: Os 25 atletas mais bem pagos de todos os tempos

Veja, na galeria de fotos, os 10 jogadores mais bem pagos da NBA:

  • 10º) Anthony Davis
    Ganhos totais: US$ 32,7 milhões
    Salário: US$ 23,8 milhões
    Patrocínios: US$ 9 milhões

    Os ganhos fora das quadras de Davis foram impulsionados por uma extensão de contrato com a Nike antes da temporada de 2017-2018. Outros patrocinadores do atleta incluem Saks, Red Bull, Foot Locker e Panini. Seu contrato com os Pelicans tem três anos de duração e US$ 81 milhões depois dessa temporada.

  • 9º) Carmelo Anthony
    Ganhos totais: US$ 33,2 milhões
    Salário: US$ 26,2 milhões
    Patrocínios: US$ 7 milhões

    Anthony assinou uma extensão de contrato com a marca Jordan, da Nike, no ano passado, mas a empresa acabou com a linha de tênis assinada pelo jogador depois de 13 modelos. Anthony é um dos apenas três jogadores da NBA com uma cláusula que o proíbe de ser negociado.

  • 7º) Giannis Antetokounmpo (empate)
    Ganhos totais: US$ 35,5 milhões
    Salário: US$ 22,5 milhões
    Patrocínio: US$ 13 milhões

    Os ganhos do grego subiram quase 500% nesta temporada devido ao início de um novo contrato de US$ 100 milhões com os Bucks, assim como uma extensão de contrato com a Nike. Seu acordo anterior com a marca de tênis pagava quase US$ 20 mil anualmente, enquanto esse novo contrato gira em torno de US$ 9 milhões no primeiro ano com probabilidade de ganhar mais quando a Nike lançar o primeiro modelo assinado por Antetokounmpo em 2019.

  • 7º) Blake Griffin (empate)
    Ganhos totais: US$ 35,5 milhões
    Salário: US$ 29,5 milhões
    Patrocínio: US$ 6 milhões

    Os Clippers surpreendentemente venderam Griffin aos Pistons menos de sete meses depois de assinar uma extensão de contrato de cinco anos e US$ 171 milhões e apelidá-lo de “Clipper para a vida toda”. Porém, ele continua uma estrela do marketing, com contratos com a marca Jordan, da Nike, Red Bull, IWC e Panini.

  • 6º) Damian Lillard
    Ganhos totais: US$ 40,2 milhões
    Salário: US$ 26,2 milhões
    Patrocínios: US$ 14 milhões

    O jogador teve média de 23 pontos por jogo desde que entrou na liga em 2012. Lillard tem três temporadas restantes depois desse contrato de cinco anos e US$ 140 milhões do acordo com o Portland. Em outubro, a Adidas lançou seu quarto tênis assinado pelo atleta.

  • 5º) Russell Westbrook
    Ganhos totais: US$ 47,5 milhões
    Salário: US$ 28,5 milhões
    Patrocínios: US$ 19 milhões

    Westbrook fez história na temporada passada como o primeiro jogador da NBA a alcançar um triple-double, marco importante no basquete, desde Oscar Robertson em 1962. A marca Jordan, da Nike, premiou o jogador com uma extensão de contrato de dez anos antes do início da temporada de 2017-2018. Seus outros patrocinadores são Mountain Dew, Westbrook Frames, True Religion, Six Star, Tumi, Samsung e Barneys.

  • 4º) James Harden
    Ganhos totais: US$ 48,3 milhões
    Salário: US$ 28,3 milhões
    Patrocínios: US$ 20 milhões

    O armador dos Rockets lidera a liga em pontos por jogo e em várias métricas avançadas. Houston prendeu Harden com uma extensão de quatro anos neste verão, impulsionando seus ganhos de seis dígitos do time para US$ 228 milhões até a temporada de 2022-2023. Harden é o atleta de capa do jogo da EA NBA Live 18.

  • 3º) Kevin Durant
    Ganhos totais: US$ 58 milhões
    Salário: US$ 25 milhões
    Patrocínios: US$ 33 milhões

    Durant recusou uma oferta de US$ 27,7 milhões nesta temporada para assinar um novo contrato que pagará US$ 25 milhões no primeiro ano. O movimento altruísta permitiu que os Warriors trouxessem de volta todo o núcleo de seu time de 2017. A empresa de mídia de Durant, a Thirty Five Media, associou-se ao YouTube neste ano para ajudar os atletas a criarem seus próprios canais na plataforma.

  • 2º) Stephen Curry
    Ganhos totais: US$ 76,7 milhões
    Salário: US$ 34,7 milhões
    Patrocínios: US$ 42 milhões

    Curry assinou o primeiro contrato de US$ 200 milhões da NBA no verão passado. O acordo de cinco anos garante US$ 201 milhões dos Warriors. O salário de Curry quase triplicou nessa temporada e é o mais alto da liga pela primeira vez. Entre seus patrocinadores estão Under Armour, Chase, Vivo, eHi, Nissan/Infiniti, Brita, Bubble e JBL.

  • 1º) LeBron James
    Ganhos totais: US$ 85,3 milhões
    Salário: US$ 33,3 milhões
    Patrocínios: US$ 52 milhões

    Os Cavaliers sofreram durante a temporada 2017-2018, mas James continua a ser a maior e mais bem paga estrela da NBA graças a patrocínios com Nike, Coca-Cola (Sprite), Beats By Dre, Kia Motor, Intel e Blaze Pizza. James tem um contrato garantido de US$ 35,6 milhões para a próxima temporada, mas há rumores de que os Warriors podem tentar contratá-lo na próxima free agency da liga.

10º) Anthony Davis
Ganhos totais: US$ 32,7 milhões
Salário: US$ 23,8 milhões
Patrocínios: US$ 9 milhões

Os ganhos fora das quadras de Davis foram impulsionados por uma extensão de contrato com a Nike antes da temporada de 2017-2018. Outros patrocinadores do atleta incluem Saks, Red Bull, Foot Locker e Panini. Seu contrato com os Pelicans tem três anos de duração e US$ 81 milhões depois dessa temporada.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).