“Pantera Negra” entra na lista das melhores estreias em um fim de semana

Depois da estreia na última sexta-feira (16), “Pantera Negra”, dirigido por Ryan Coogler, arrecadou US$ 201,8 milhões em bilheteria só no primeiro fim de semana de exibição na América do Norte. Segundo o site Box Office Mojo, o filme ocupa a 5ª posição entre os filmes com maior receita de todos os tempos em uma estreia e é o segundo maior lançamento da Marvel, perdendo apenas para Vingadores (2012).

LEIA MAIS: UNDER 30 de FORBES Brasil terá indicações online

Se considerarmos o cenário global, a receita do filme deve ser de, aproximadamente, US$ 387 milhões. Os dois últimos filmes de Star Wars, “O Despertar da Força” e “Os Últimos Jedi”, mantêm a liderança do ranking, com US$ 248 milhões e US$ 220 milhões, respectivamente.

Veja, na galeria de fotos a seguir, os 10 filmes com a maior receita de bilheteria no fim de semana de estreia:

  • 10) “Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte 2” (2011) – US$ 169, 2 milhões

  • 9) “Homem de Ferro 3” (2013) – US$ 174,1 milhões

  • 8) “A Bela e a Fera” (2017) – US$ 178,3 milhões

  • 7) “Capitão América: Guerra Civil” (2016) – US$ 179,1 milhões

  • 6) “Vingadores: Era de Ultron” (2015) – US$ 191,3 milhões

  • 5) “Pantera Negra” (2018) – US$ 201,8 milhões

  • 4) “Os Vingadores” (2012) – US$ 207,4 milhões

  • 3) “Jurassic World: O Mundo dos Dinossauros” (2015) – US$ 208,8 milhões

  • 2) “Star Wars – Os Últimos Jedi” (2017) – US$ 220 milhões

  • 1) “Star Wars: O Despertar da Força” (2015) – US$ 248 milhões

10) “Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte 2” (2011) – US$ 169, 2 milhões

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br)

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).