Os 10 países que melhor acolhem expatriados

iStock
O povo brasileiro é visto como receptivo pelos estrangeiros que decidem morar por aqui: 84% avaliam positivamente a atitude dos cidadãos em relação aos expatriados. (iStock)

A mais recente pesquisa feita pela InterNations, maior rede mundial de pessoas que vivem e trabalham no exterior, ranqueia os 10 países mais amigáveis do mundo para residentes estrangeiros.

VEJA TAMBÉM: Os 20 países onde as pessoas são mais felizes

Apesar de a maioria dos expatriados (78%) descrever os brasileiros como acolhedores – 23% acima da média global -, o país, na 14ª posição, caiu cinco posições no ranking em relação ao ano anterior.

O povo brasileiro, no entanto, é sem dúvida visto como receptivo pelos estrangeiros que decidem morar por aqui: 84% avaliam positivamente a atitude dos cidadãos em relação aos expatriados; 70% consideram fácil a integração com a cultura local; 58% declaram ter tido facilidade em fazer amigos; 47% estariam propensos a viver no país para sempre; e 53% afirmam que seus amigos são, principalmente, residentes locais – três vezes a média global.

A primeira posição é ocupada por Portugal, que subiu nove lugares em relação ao ranking de 2016. Cerca de quatro em cada cinco expatriados (79%) descrevem o povo português como acolhedor, e 29% afirmam que seus círculos sociais são compostos por cidadãos locais.

A pesquisa avaliou 43 diferentes aspectos da vida no exterior – que, mais tarde, foram agrupados em seis tópicos: qualidade de vida, facilidade de adaptação, trabalho, vida familiar, finanças pessoais e índice de custo de vida. Para que um país fosse avaliado, era necessária uma amostra de, pelo menos, 75 expatriados.

LEIA: UNDER 30 de FORBES Brasil terá indicações online

Veja, na galeria de fotos, os 10 países que melhor acolhem expatriados e a situação do Brasil:

  • 1º) Portugal
    Atitude amigável em relação aos expatriados: 94%
    Facilidade em fazer amigos: 58%
    Expatriados propensos a viver no país para sempre: 47%

  • 2º) Taiwan
    Atitude amigável em relação aos expatriados: 86%
    Facilidade em fazer amigos: 61%
    Expatriados propensos a viver no país para sempre: 30%

  • 3º) México
    Atitude amigável em relação aos expatriados: 87%
    Facilidade em fazer amigos: 73%
    Expatriados propensos a viver no país para sempre: 39%

  • 4º) Camboja
    Atitude amigável em relação aos expatriados: 92%
    Facilidade em fazer amigos: 59%
    Expatriados propensos a viver no país para sempre: 23%

  • 5º) Bahrein
    Atitude amigável em relação aos expatriados: 86%
    Facilidade em fazer amigos: 55%
    Expatriados propensos a viver no país para sempre: 11%

  • 6º) Costa Rica
    Atitude amigável em relação aos expatriados: 87%
    Facilidade em fazer amigos: 78%
    Expatriados propensos a viver no país para sempre: 48%

  • 7º) Omã
    Atitude amigável em relação aos expatriados: 86%
    Facilidade em fazer amigos: 60%
    Expatriados propensos a viver no país para sempre: 12%

  • 8º) Colômbia
    Atitude amigável em relação aos expatriados: 87%
    Facilidade em fazer amigos: 62%
    Expatriados propensos a viver no país para sempre: 33%

  • 9º) Vietnã
    Atitude amigável em relação aos expatriados: 83%
    Facilidade em fazer amigos: 56%
    Expatriados propensos a viver no país para sempre: 16%

  • 10º) Canadá
    Atitude amigável em relação aos expatriados: 81%
    Facilidade em fazer amigos: 43%
    Expatriados propensos a viver no país para sempre: 45%

  • 14º) Brasil
    Atitude amigável em relação aos expatriados: 94%
    Facilidade em fazer amigos: 58%
    Expatriados propensos a viver no país para sempre: 47%

1º) Portugal
Atitude amigável em relação aos expatriados: 94%
Facilidade em fazer amigos: 58%
Expatriados propensos a viver no país para sempre: 47%

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).