15 países onde o turismo mais impulsiona a economia

Com o tempo cada vez mais agradável, o verão começa a chegar no Hemisfério Norte. Isso significa que hotéis, restaurantes e atrações em pontos turísticos daquela parte do planeta se prepara para uma temporada de férias lucrativas.

LEIA MAIS: Como o Instagram está remodelando o turismo

Alguns países tendem a sentir o impacto do turismo mais do que outros e, segundo um recente relatório da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico, a Espanha, em particular, recebe um grande impulso financeiro anualmente. Em 2017, 82 milhões de viajantes foram atraídos para o país pelo seu clima quente, excelentes praias, cultura vibrante e eficiente rede de transporte. Isso faz com que a Espanha seja o segundo país mais visitado em todo o mundo e, segundo o governo espanhol, arrecade 87 bilhões de euros com os turistas.

Não surpreende o fato de o turismo ser um aspecto importante na economia espanhola. A pesquisa “Tendências e Políticas para o Turismo da OCDE em 2018” constatou que o turismo representou 11% do PIB da Espanha em 2016. Em Portugal, representou 9,2% do seu PIB, no mesmo ano.

Em países como a Alemanha e o Japão, onde a economia está mais voltada para a indústria e o setor de serviços, o impacto do turismo não é tão forte. Representou 3,9% e 1,9% do PIB dos países, respectivamente. Já nos Estados Unidos, contribuiu com 2,7% do PIB em 2016.

Veja, na galeria de fotos a seguir, 15 países onde o turismo mais impulsiona a economia. O Brasil não aparece na relação porque não faz parte da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico.

  • 15) Polônia – 1,2% do PIB

  • 14) Japão – 1,9% do PIB

  • 13) Canadá – 2% do PIB

  • 12) Estados Unidos – 2,7% do PIB

  • 11) Austrália – 3,2% do PIB

  • 10) Reino Unido – 3,7% do PIB

  • 9) Alemanha – 3,9% do PIB

  • 8) Turquia – 4,3% do PIB

  • 7) Itália – 6% do PIB

  • 6) Grécia – 7,4% do PIB

  • 5) França – 7,1% do PIB

  • 4) Islândia – 8,4% do PIB

  • 3) México – 8,6% do PIB

  • 2) Portugal – 9,2% do PIB

  • 1) Espanha – 11,1% do PIB

15) Polônia – 1,2% do PIB

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).