Os 10 CEOs mais poderosos do mundo

A lista deste ano das pessoas mais poderosas do mundo incluiu 75 nomes, um para cada 100 milhões de pessoas na Terra. Destes, 32 são diretores-executivos. A maioria, norte-americanos, seguida por alguns asiáticos, um europeu e um africano.

VEJA TAMBÉM: Indenizações milionárias: 9 ex-CEOs que receberam uma fortuna ao deixar seus cargos

Veja na galeria de fotos abaixo os 10 CEOs mais poderosos do mundo:

  • 1 – Jeff Bezos

    No topo da lista, está não só o homem mais rico do mundo, como também a única pessoa na Terra com o patrimônio de 12 dígitos: Jeff Bezos, da Amazon, que no dia do fechamento do ranking possuía US$ 133 bilhões. A gigante varejista comprou a cadeia de supermercados Whole Foods, em agosto do ano passado, começou a abrir livrarias físicas e tem visto um crescimento em seu serviço de nuvem, Amazon Cloud. A Amazon vale US$ 780 bilhões, e o preço de suas ações subiu 70% em relação ao ano passado.

  • 2 – Larry Page

    O único outro CEO no Top 10 das pessoas mais poderosas do mundo é Larry Page, da Google, pai da Alphabet. Além de rodar o maior mecanismo de busca do planeta, o bilionário nascido no Michigan investiu em uma empresa de pilotagem autônoma, chamada Kitty Hawk, que recentemente testou seus veículos na Nova Zelândia.

  • 3 – Mark Zuckerberg

    Após a revelação, em março deste ano, de que o Facebook compartilhou dados de seus usuários com a empresa de consultoria política Cambridge Analytica, Mark Zuckerberg caiu no Top 10. Embora o escândalo tenha atingido as ações da rede social, o testemunho amplamente divulgado de Zuckerberg no Congresso apaziguou os acionistas e, naquele dia, o preço das ações subiu 4,5%. O segundo mais famoso abandono de Harvard tem uma empresa que vale mais de meio trilhão de dólares.

  • 4 – Warren Buffett

    Apesar de recentemente aposentado do conselho da Kraft Heinz, Warren Buffett, 87 anos (a segunda maior idade da lista dos mais poderosos do mundo, atrás apenas de Li-ka Shing), não mostra sinais de desaceleração na Berkshire Hathaway, empresa que adquiriu em 1963. Em maio, o Oráculo de Omaha anunciou que a Berkshire havia comprado 75 milhões de ações da Apple e aumentado sua participação na gigante de tecnologia para quase 5%.

  • 5 – Jamie Dimon

    A pessoa mais poderosa de Wall Street, Jamie Dimon, ocupa o número 19 na lista geral. O CEO do JP Morgan, maior banco do mundo, com mais de US$ 2 trilhões em ativos sob gestão, anunciou recentemente que permanecerá no comando por “aproximadamente mais cinco anos”.

  • 6 – Jack Ma

    O mais poderoso CEO não norte-americano é Jack Ma, diretor da Alibaba, um dos maiores sites de comércio eletrônico do mundo. Como a Amazon, a Alibaba obteve muito sucesso com o seu serviço de nuvem, Alibaba Cloud, além de aumentar as receitas de seus principais negócios comerciais. Ma também encontrou tempo para se interessar por atuação e assumiu o papel principal no curta-metragem de kung fu chinês “Gong Shou Dao” (sem título em português).

  • 7 – Doug McMillon

    Como CEO do Walmart, o maior empregador privado do mundo, Doug McMillon administra 2,3 milhões de trabalhadores (aproximadamente o número de pessoas do Exército da China). O executivo nascido no Arkansas é o capitão da gigante de varejo, que anunciou mudanças em sua identidade: abrir menos supercenters físicos no próximo ano e focar mais em e-commerce e tecnologia.

  • 8 – Tim Cook

    Sob a liderança de Tim Cook, a Apple, empresa mais valiosa do mundo, sobe pacientemente em direção à cobiçada valoração dos trilhões de dólares. Nascido na Geórgia, o CEO respondeu recentemente às preocupações sobre as vendas lentas do iPhone X, lançado em novembro último e considerado caro, ao alegar que s trata do “produto mais inovador no mercado”. Em abril, o braço de música da Apple atingiu 40 milhões de usuários.

  • 9 – Elon Musk

    Elon Musk, um dos maiores revolucionários tecnológicos do nosso tempo, teve um ano (tradicionalmente) agitado. Em fevereiro, sua empresa SpaceX lançou com sucesso o foguete mais poderoso do mundo. O CEO aproveitou a oportunidade para provar seu conhecimento em marketing ao embarcar no Falcon Heavy um Tesla Roadster vermelho, o que produziu uma das imagens espaciais mais icônicas do nosso tempo. Mas nem tudo são rosas. Ao ouvir questionamentos sobre os ganhos de sua empresa de carros elétricos, Musk se estressou e rejeitou as “perguntas tolas e chatas” dos analistas.

  • 10 – Ma Huateng

    Ma Huateng, a última pessoa da lista, é o homem mais rico da Ásia. Popularmente conhecido como Pony Ma, o fundador da companhia Tencent levou sua empresa a uma subida de quase 60% neste ano, principalmente, devido ao aumento de receita em suas redes sociais e nos negócios de jogos online.

1 – Jeff Bezos

No topo da lista, está não só o homem mais rico do mundo, como também a única pessoa na Terra com o patrimônio de 12 dígitos: Jeff Bezos, da Amazon, que no dia do fechamento do ranking possuía US$ 133 bilhões. A gigante varejista comprou a cadeia de supermercados Whole Foods, em agosto do ano passado, começou a abrir livrarias físicas e tem visto um crescimento em seu serviço de nuvem, Amazon Cloud. A Amazon vale US$ 780 bilhões, e o preço de suas ações subiu 70% em relação ao ano passado.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).