Negócios

Square levanta financiamento de US$ 100 milhões e é avaliada em US$ 6 bi

Square está levantando US$ 100 milhões de financiamento, o que leva a empresa de pagamentos a uma avaliação de US$ 6 bilhões. Não está claro se a rodada foi fechada e quem seriam os investidores no negócio, mas o CEO Jack Dorsey autorizou a rodada de estoque em uma valorização de US$ 15,46 por ação. O porta-voz da empresa, Aaron Zamost, por sua vez, recusou-se a comentar o assunto.

A empresa levantou US$ 200 milhões em setembro de 2012, avaliada então em US$ 3,25 bilhões, e tinha alegadamente atingido a avaliação de US$ 5 bilhões em janeiro deste ano, em uma oferta pública para os funcionários e, em seguida, levantou outros US$ 200 milhões em abril. Os investidores incluem Morgan Stanley, Goldman Sachs, Citi Ventures, Rizvi Traverse e investidores anteriores como Kleiner Perkins Caufield & Byers, Tiger Global, Khosla Ventures e Sequoia Capital.

Apesar disso, a Square enfrenta uma concorrência crescente em áreas críticas de seus negócios, incluindo um recente impulso por Jeff Bezos da Amazon, que anunciou um novo leitor de cartão de crédito móvel no mês passado. E a Apple que anunciou, na semana passado, a Apple Pay, o seu próprio impulso para pagamentos móveis que poderiam desafiar ainda mais os negócios da Square para baixo da linha.

Topo