Negócios

Tecnológicas dominam marcas mais valiosas de 2014

Uma marca que já tem um nome forte no mercado possui um diferencial muito valioso. Empresas de consumo, em especial, dedicam grande parte do tempo e dos recursos para solidificar e expandir suas marcas. “Uma marca valiosa oferece um retorno para a empresa em duas dimensões”, diz David Rubenstein, professor de marketing da Universidade de Wharton School da Pensilvânia. “Ou ele permite à empresa cobrar um preço premium ou adiciona mais volume ou participação de mercado.”

Quando se trata de cobrar um preço premium, ninguém faz isso melhor do que a Apple. Existem outros telefones e tablets que são funcionalmente comparáveis ou indiscutivelmente melhor do que o iPhone e o iPad, mas a marca Apple carrega enorme peso e credibilidade fazendo com que os clientes se disponham a pagar por isso. A empresa vendeu 39,3 milhões de iPhones em seu último trimestre e poderia vender até 60 milhões durante os últimos três meses de 2014, com a época de vendas do feriado.

A Microsoft ocupa o segundo lugar com um valor de US$ 63 bilhões, um aumento de 11% depois de se manter estável nos três anos anteriores. A empresa recentemente teve mais sucesso com o seu afastamento do modelo de licenciamento de PC e software para as ofertas de nuvem.

Google fica em terceiro lugar entre as melhores marcas de tecnologia com valor de US$ 56 bilhões, com aumento de 19%. A marca gerou lucro de US$ 16 bilhões antes de juros e impostos ao longo dos últimos 12 meses e é um dos maiores gastadores de anúncios com US$ 2,8 bilhões em 2013. “Com uma marca muito conhecida, as pessoas sem dúvida confiam mais, e parte do que acontece com o Google é uma questão de confiança”, conta Rubenstein.

As 100 marcas mais valiosas abrangem 15 países em 20 categorias gerais da indústria. Marcas de empresas norte-americanas compõem mais da metade da lista com a segunda maior representação da Alemanha (9 Marcas), França (7) e do Japão (5). Marcas de tecnologia são as em maior número com 16, incluindo 11 dos top 25. As empresas automotivas apresentam 16 marcas no top 100 liderado por Toyota em nono lugar, valendo US$ 31,3 bilhões.

Topo