Negócios

Apple vai investir US$ 850 mi em “fazenda” de energia solar

Na última terça-feira (10), durante uma conferência de investidores da Apple, o CEO Tim Cook anunciou uma parceria com a First Solar, maior fabricante mundial de placas solares, para a construção de uma gigantesca “fazenda” de energia solar na região de Monterey, na Califórnia, a apenas uma hora da sede da companhia de tecnologia.

Quando estiver pronta, a instalação de 1.173 hectares irá produzir energia suficiente para 60.000 residências. Segundo Cook, o projeto foi criado para alimentar o Campus 2, nova sede da Apple em construção, as 52 lojas espalhadas pela Califórnia, a central de dados em Newark e outros escritórios da empresa pelo estado.

“Na Apple, nós sabemos que a mudança climática é algo real”, disse Cook. “A hora para conversar já passou; temos de agir”. Apesar de as centrais de dados da marca já serem abastecidas com energia renovável, o novo projeto é maior do que qualquer outra coisa que a empresa já fez na região.

A Apple irá investir US$ 848 milhões (cerca de R$ 2,4 bilhões) no empreendimento, que tem o inicio das obras programado para o meio deste ano. A previsão de término é para o final de 2016, mesma época em que o Campus 2 deve ficar pronto.

Topo