Negócios

Apple vai lançar serviço pago de streaming de música

A Apple está dando os últimos retoques para o lançamento de sua própria plataforma de streaming de música para competir com o Spotify e o Rdio. Ainda sem nome, o novo serviço foi totalmente desenvolvido pelo time da empresa, mas com funcionalidade e tecnologia da Beats Music, adquirida em maio de 2014 pela empresa de Tim Cook por US$ 3 bilhões.

Em vez de simplesmente instalar um aplicativo da Beats no iPhone, a Apple decidiu integrá-lo ao iOS, ao iTunes e a Apple TV. A empresa também está trabalhando em algo para o iPad, iPhone e iPod Touch, além de um aplicativo de atualizações para computadores que irá integrar dezenas de funcionalidades da Beats.

O principal foco do novo serviço de streaming da Apple é a biblioteca de músicas. E para facilitar a transição dos usuários, a empresa irá fundir as contas da Beats Music aos perfis de iTunes/Apple ID. Será possível transferir e unir as bibliotecas das duas plataformas.

Como na Beats e nas plataformas dos competidores, o serviço de streaming será pago. A estimativa é de seja algo em torno de US$ 7,99, o que é ligeiramente melhor do que o Spotiy e o Rdio (US$ 9,99). Ainda não há previsões para o lançamento.

Topo