Startup aluga Apple Watch antes de compra

O smartwatch da Apple nem saiu e as pessoas já estão criando maneiras de burlar a etiqueta de US$ 1.099 (em torno de R$ 3.400). Uma startup norte-americana chamada Lumoid irá alugar Apple Watches por uma taxa de US$ 45 (cerca de R$ 139,00) para que os clientes tenham a oportunidade de testar o wearable antes da compra.

A empresa, aberta no início de 2015, oferece o mesmo tipo de serviço para outros wearables como Fitbit, Jawbone e Garmin. O usuário pode ficar com a peça em casa por até sete dias para decidir se a novidade se encaixa ao seu estilo de vida.

Apesar de o estoque da Lumoid ser limitado, a lista de espera pelo Apple Watch é gigantesca. A startup terá as versões Sport e de aço. Os preços dependem do modelo, mas variam entre US$ 45 e US$ 55. Uma parte do valor é revertidada para a compra, caso o usuário decida adquirir o smartwatch.

“É fácil de imaginar como um celular ou um computador vai se encaixar em nossa vida, mas um relógio que te ajuda a lembrar de correr e pagar por suas compras pode ser mais difícil, especialmente quando você só pode testá-lo na loja”, disse um porta-voz da Lumoid em entrevista ao site Mashable.

A startup também adiantou que irá adicionar o smartwatch Moto 360 e outros relógios com sistema Android Wear ao catalogo. Atualmente, é possível alugar modelos como o Pebble e o Basis Peak.

Considerando que os preços do Apple Watch começam a partir de US$ 349 (em torno de R$ 1.082) e vão até US$ 17.000 (cerca de R$ 52.000), a ideia de testar os smartwatches pode ser extramemente prática – e rentável.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).