Vendas globais de McDonald’s caem acima da expectativa

Após nove meses consecutivos de baixa, as vendas globais da rede de fast food McDonald’s continuam a recuar. Em fevereiro, os números caíram cerca de 1,7%, bem acima da estimativa de 0,3% da empresa. Os dados foram divulgados uma semana após Steve Easterbrook, novo CEO, assumir.

No território norte-americano, a queda foi ainda maior: quase 4% a menos nas vendas. Por lá, a rede de fast food encara forte competição de outras lojas de fast casual, como Chipotle e Panera.

Mas é na Ásia, ainda em decorrência ao escândalo das carnes estragadas envolvendo um dos fornecedores do McDonald’s no continente, que a rede viu seu pior desempenho. A queda nas vendas chegou os 4,4%. No início da semana passada, a empresa anunciou que também deixaria de usar frangos criados com antibióticos humanos.

“As necessidades e preferências dos consumidores está mudando”, disse a marca em um comunicado. “O McDonald’s reflete essa mudança com reavaliar estratégias e ao correr da atrás dos prejuízos”.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).