Negócios

Lewis Hamilton renova contrato de £ 100 milhões com Mercedes

Getty Images

Lewis Hamilton

O atual campeão de Fórmula 1 Lewis Hamilton renovou seu contrato por mais três anos com a Mercedes Benz e o valor pode chegar a £ 100 milhões. Desde que se uniu a equipe, em 2013, ele já coleciona 15 vitórias em 43 corridas. Além disso, foi ao pódio outras 11 vezes durante o período. No momento, Hamilton lidera a tabela 20 pontos a frente de seu parceiro de equipe, Nico Rosberg, e está a caminho de seu terceiro título mundial.

O anuncio foi feito foi feita nesta quarta-feira (20) em Monte Carlo, onde o Gran Prix de Mônaco está acontecendo. Os termos financeiros do contrato não foram divulgados, mas espera-se que Hamilton recebe um salário anual por volta de US$ 32 milhões mais bônus, o que pode empurrar seu salário para US$ 45 milhões ao ano.

Este é um dos contratos mais caros do esporte, com apenas Floyd Mayweather, Sebastian Vettel, Cristiano Ronaldo e Lionel Messi embolsando mais anualmente com seus respectivos contratos.

Hamilton estava na lista de desejos das poderosas do F1, Ferrari e McLaren, nos últimos 12 meses, mas em março ele afirmou que estava comprometido com a Mercedes. “É minha casa e eu não poderia estar mais feliz de passar mais três anos aqui”, afirmou o piloto. Hamilton negociou seu contrato por si só, já que se desvinculou da XIX Entertainment no fim de 2014.  A equipe Mercedes é uma das mais valiosas da F1, valendo US$ 560 milhões de acordo com o último levantamento da Forbes.

Além do dinheiro das corridas, Hamilton também é um dos atletas mais presentes no mercado. Ele é o primeiro da lista de atletas mais vendável, a SportsPro’s 2014, divulgada essa semana.

A Mercedes acaba controlando grande parte dos patrocidores de Hamilton limitando o piloto aos patrocinadores da equipe, como UBS e Blackberry. Atualmente, os patrocinadores pessoais do britânico incluem Bombardier e a IWC. Em 2014, ficou em 19º na lista da Forbes dos atletas mais bem pagos.

 

 

Comentários
Topo