Negócios

TAM e LAN darão lugar à marca única LATAM a partir de 2016

Reprodução

Reprodução

Gradativamente, a partir do início do ano que vem, as marcas das duas grandes empresas aéreas que compõem a LATAM e as de outras pequenas companhias do grupo deixarão de ser vistas. No lugar da brasileira TAM e da chilena LAN surgirá a LATAM, marca única da maior companhia de aviação da América Latina. O anúncio acaba de ser feito pela direção das duas empresas em evento no Memorial da América Latina, em São Paulo. A previsão é que a primeira aeronave com o novo logotipo seja lançada em fevereiro de 2016. A mudança total deverá ocorrer em um prazo de três anos.

FOTOS: Por dentro do jatinho personalizado de um bilionário

“Da LATAM para o mundo e do mundo para a LATAM. Este é um grupo de companhias que cresceu com cada país da região e agora se unifica para oferecer aos clientes a melhor rede de conexões e a frota mais moderna”, declarou Enrique Cueto, presidente do grupo Latam Airlines. “A experiência será melhor, pois os clientes terão acesso a produtos e serviços mais rápidos e unificados dentro da rede, a um e-commerce mais potente e a canais de comunicação mais integrados, além de maior velocidade no desenvolvimento de inovações tecnológicas em todos os países em que a companhia opera”, completou Cueto.

A nova marca unificará sob si todas as aéreas que hoje fazem parte da LATAM: LAN Airlines e suas filiais no Peru, Argentina, Colômbia e Equador; TAM Linhas Aéreas S.A., TAM Transportes Aéreos Del Mercosur S.A. (TAM Airlines, do Paraguai), e as aéreas de carga do Grupo – LAN Cargo, LAN Cargo Colômbia, ABSA (TAM Cargo) e a mexicana Mas Air.

LEIA MAIS: Gol muda marca e recebe 100º avião diretamente da Boeing

A nova empresa unificada surge com uma média de quase 70 milhões de passageiros transportados/ano. Ao todo conta com 328 aviões: 15 aeronaves de carga e 313 de passageiros, as quais cobrem uma malha de 117 destinos na América do Sul, 10 na América do Norte e na América Central, cinco destinos na Europa e três na Oceania.

O custo de toda a operação de surgimento da marca única LATAM oscilará entre US$ 30 e 40 milhões, segundo estimativa da companhia. A responsável pela mudança será a agência Interbrand. A iniciativa trará o fim de uma marca, a TAM, com 40 anos de existência e de outra, a LAN, com 80 anos.

Divulgação

Divulgação

Comentários
Topo