Accor Hotels anuncia fusão de US$ 890 milhões com FRHI Holdings

Divulgação
Divulgação

A rede de hotelaria francesa Accor Hotels anunciou futura fusão com a canandese FRHI Holdings, dona dos luxuosos Fairmont, Raffles e Swissotel, avaliada em US$ 2,9 bilhões. Accor pagará US$ 840 milhões em dinheiro e US$ 47,6 milhões em ações.

LEIA MAIS: 14 lugares mais legais para conhecer em 2016

FRHI é propriedade conjunta do fundo de investimentos Qatar Investment Authority, do fundo do bilionário Príncipe Al Waleed Bin Talal Kingdom Holding e da Oxford Properties. Por participações da Accor, QIA e Kingdom Holding serão responsáveis por 10,5% e 5,8%, respectivamente.

A Accor tem, atualmente, entre Sofitel e Pullman, 3.800 propriedades, espalhadas por 92 países, incluindo o Brasil. Na aquisição de 155 hotéis e resorts FRHI, espalhados por 34 diferentes países, a francesa aumentará sua presença no seguimento da hotelaria luxo. Os de prestigiado nome The Savoy, em Londres, o Peace Hotel Fairmont, em Xangai e o The Plaza Hotel, em Nova Tork, estão inclusos no pacote.

VEJA TAMBÉM: 10 cidades com maior aumento na procura em 2015

No mês passado, a Marriott International anunciou planos à compra de Starwood Hotels & Resorts Worldwide por US$ 12,2 bilhões e, desta forma, possuir a maior cadeia hoteleira do mundo. Grandes aquisições do tipo são esperadas para que o mercado consiga competir com empresas como Airbnb, cujos preços são baixos e afetariam em larga escala a estadia em hotéis.

“A presença global das empresas incorporadas deve permitir maior desenvolvimento de tecnologias centradas na qualidade das hospedagens”, explica Sébastien Bazin, CEO da Accor.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).