Negócios

Accor Hotels anuncia fusão de US$ 890 milhões com FRHI Holdings

Divulgação

Divulgação

A rede de hotelaria francesa Accor Hotels anunciou futura fusão com a canandese FRHI Holdings, dona dos luxuosos Fairmont, Raffles e Swissotel, avaliada em US$ 2,9 bilhões. Accor pagará US$ 840 milhões em dinheiro e US$ 47,6 milhões em ações.

LEIA MAIS: 14 lugares mais legais para conhecer em 2016

FRHI é propriedade conjunta do fundo de investimentos Qatar Investment Authority, do fundo do bilionário Príncipe Al Waleed Bin Talal Kingdom Holding e da Oxford Properties. Por participações da Accor, QIA e Kingdom Holding serão responsáveis por 10,5% e 5,8%, respectivamente.

A Accor tem, atualmente, entre Sofitel e Pullman, 3.800 propriedades, espalhadas por 92 países, incluindo o Brasil. Na aquisição de 155 hotéis e resorts FRHI, espalhados por 34 diferentes países, a francesa aumentará sua presença no seguimento da hotelaria luxo. Os de prestigiado nome The Savoy, em Londres, o Peace Hotel Fairmont, em Xangai e o The Plaza Hotel, em Nova Tork, estão inclusos no pacote.

VEJA TAMBÉM: 10 cidades com maior aumento na procura em 2015

No mês passado, a Marriott International anunciou planos à compra de Starwood Hotels & Resorts Worldwide por US$ 12,2 bilhões e, desta forma, possuir a maior cadeia hoteleira do mundo. Grandes aquisições do tipo são esperadas para que o mercado consiga competir com empresas como Airbnb, cujos preços são baixos e afetariam em larga escala a estadia em hotéis.

“A presença global das empresas incorporadas deve permitir maior desenvolvimento de tecnologias centradas na qualidade das hospedagens”, explica Sébastien Bazin, CEO da Accor.

Comentários
Topo