Dassault Falcon Jet expande centro nos EUA em 140 mil m²

Divulgação
Divulgação

A Dassault Falcon Jet acaba de completar mais uma fase de expansão de seu Centro de Finalização em Little Rock, que adicionou mais de 32.500 m² de espaço de produção no Estado norte-americano do Arkansas. A peça central do projeto de US$ 60 milhões é um galpão de 23.200 m² destinado aos dois novos modelos da Dassault – o jato de alcance ultralongo Falcon 8X e o duplo de corpo grande Falcon 5X.

O novo galpão é responsável por fazer com que o centro some, no total, quase 140.000 m². A expansão também inclui a área de remodelação de cabines, estofamento e cobertura do teto, além de melhorias nos galpões mais antigos.

E MAIS: Dassault apresenta Falcon 5X em Bordeaux

A cerimônia de abertura teve a presença do prefeito de Little Rock, Mark Stodola, de Bill e Hillary Clinton e de Danny Games, vice-diretor da Comissão de Desenvolvimento Econômico do Arkansas. Os convidados foram recebidos pelo chairman e CEO da Dassault Aviation, Eric Trappier, pelo diretor de operações Loik Segalen, e pelo presidente e CEO da Dassault Falcon Jet, John Rosanvallon.

“Little Rock é um centro de excelência para a Dassault e uma facilidade que tem estado há muito tempo na vanguarda da tecnologia de aviação”, disse Trappier. “Aqui nós combinamos as mais avançadas técnicas digitais de finalização – na qual a Dassault foi pioneira – com um nível de artesanato manual sem comparativos na indústria da aviação. É aqui que a personalidade distinta de cada Falcon ganha vida.”

VEJA TAMBÉM: Dassault festeja Falcon 7X no Brasil, em jantar comandado por Erick Jacquin

A nova expansão segue uma anterior de US$ 20 milhões e 10.700 m², em 2008, que adicionou quatro novas baias de pintura de última geração e transformou a empresa no primeiro Fabricante Original do Equipamento a receber aprovação para finalização e design 3D. Além de melhorar a qualidade, a finalização em três dimensões oferece a oportunidade, para o cliente, de visualizar a configuração final da aeronave.

“Estes investimentos refletem o nosso compromisso com a cidade de Little Rock, que vem de mais de 40 anos”, disse Rosanvallon. “Ao longo deste período de tempo, a planta da cidade cresceu aos trancos e barrancos e, agora, é a maior instalação industrial da rede Dassault. Eu gosto de dizer que a todo momento, em todos os dias, há um pedaço de Little Rock voando em algum lugar do mundo graças ao trabalho que fizemos aqui.”

Divulgação
Divulgação
Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).