Negócios

LinkedIn lança app parecido com Facebook para iOS e Android

Reprodução/LinkedIn

Reprodução/LinkedIn

O LinkedIn acaba de renovar o visual de seu aplicativo. A empresa lançou uma versão redesenhada de seu app central, que, agora, parece mais com o Facebook e outros aplicativos de mídias sociais.

Como o Facebook, o novo app do LinkedIn gira em torno de um feed central, que mostra as atualizações de pessoas em sua rede de contatos e o conteúdo que elas compartilham em seus perfis. Similar ao feed de notícias da rede da Mark Zuckerberg, o app filtra quais atualizações você verá com base no que é mais provável que você tenha interesse – e a empresa diz que a ferramenta ficará melhor ao longo do tempo, a partir do uso.

LEIA TAMBÉM: LinkedIn poderá pagar US$ 13 milhões a usuários por envio de mensagens indevidas

O feed principal é estruturado de forma muito parecida com o Pulse, aplicativo recentemente reformulado do LinkedIn, então é possível ver postagens de pessoas em sua rede de contatos estendida e artigos que são populares entre pessoas com empregos similares ao seu.

“O centro do produto mobile, a coluna cervical do aplicativo, sempre foi este feed”, Jonathan Redfern, vice-presidente de produto do LinkedIn, disse ao portal de notícias Mashable. “Nós saímos de um feed que era articulado com base nas suas conexões e fomos para um feed que é mais baseado nos tópicos profissionais e interesses que você decide seguir.”

DICAS: 8 maneiras de arruinar o seu perfil no LinkedIn

Fora do feed, há uma seção chamada de “My Network”, que sugere pessoas que você pode conhecer, assim como atualizações rápidas de suas conexões, como aniversários de emprego e novos trabalhos. Se isso soa familiar, é porque é similar ao app Connected, do LinkedIn, que envolve atualizações como estas.

A atualização também inclui novas ferramentas de mensagem e uma ferramenta de busca reformulada que o LinkedIn diz ser 300% mais rápida do que a do aplicativo anterior. Todas as novas ferramentas estão disponíveis para iOS e Android.

Comentários
Topo