“Star Wars: O Despertar da Força” quebra recorde de arrecadação nos Estados Unidos

Getty Images
Getty Images

“Star Wars: O Despertar da Força” arrecadou outros US$ 8 milhões ontem nos EUA, o que leva a arrecadação total no país para US$ 758,2 milhões, apenas US$ 2,5 milhões a menos que o faturamento doméstico de “Avatar”, o que significa que este recorde deve ser quebrado ainda hoje (6). Mais ainda, isso significa que o novo filme da saga criada George Lucas, dirigido por J. J. Abrams, será, agora, o longa com maior arrecadação nos Estados Unidos de todos os tempos.

Pela primeira vez em 18 anos, James Cameron não detém o título e, pela primeira vez em 40 anos, o recorde não é de Cameron, Steven Spielberg ou Lucas. Porém, considerando que Abrams foi basicamente um aprendiz dos dois primeiros e foi inspirado a ser diretor de cinema após ter assistido a “Star Wars”, pode-se dizer que o ciclo está completo. Quais serão os próximos passos?

LEIA MAIS: Novo “Star Wars” quebra mais um recorde como filme mais rápido a atingir US$ 1 bilhão

Se o filme arrecadar mais US$ 14 milhões hoje e amanhã e mais cerca de US$ 50 milhões no final de semana (o detentor atual do recorde de maior bilheteria no quarto final de semana é “Avatar”, com US$ 50 milhões), o 24º dIa de exibição do longa será encerrado com cerca de US$ 820 milhões. Isto significa que o filme não irá apenas superar a receita de “Avatar”, mas também os US$ 777 milhões, ajustados pela inflação, arrecadados por “Star Wars Episódio I: A Ameaça Fantasma”, de 1999.

A arrecadação ajustada pela inflação de “Avatar” é de US$ 836 milhões, valor que “O Despertar da Força” deverá superar até o final da próxima semana. Os próximos passos são uma questão em aberto, mas um valor maior que US$ 983 milhões o colocará no ranking dos dez filmes que mais venderam mais ingressos nos Estados Unidos de todos os tempos.

FOTOS: 15 melhores veículos da saga “Star Wars”

Obviamente, a arrecadação mundial é uma questão inteiramente diferente, e o filme provavelmente terá de se conformar em ser o segundo ou terceiro maior hit global de todos os tempos, atrás de “Titanic” (US$ 2,186 bilhões) e “Avatar” (US$ 2,788 bilhões). Até agora, “O Despertar da Força” arrecadou US$ 1,557 bilhão ao redor do mundo. “Avatar” é, provavelmente, um patamar inatingível pois, se o longa de Abrams arrecadar US$ 2 bilhões mundialmente sem a China, teria de ganhar US$ 788 milhões apenas lá (começando no sábado), quase o dobro já arrecadado por um filme norte-americano (“Velozes & Furiosos 7” faturou US$ 394 milhões). É impossível dizer qual será o desempenho de “O Despertar da Força” no segundo maior mercado do mundo, visto que “Star Wars” sempre foi uma espécie de fenômeno dos EUA.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).