Negócios

Apple estuda tecnologia para controlar tela sem toque

iStock

iStock

A Apple registrou uma patente ontem (2) para plataformas touchscreen com sensores de proximidade que não precisam do toque, o que significa que poderíamos ver dispositivos da empresa baseados em controle por gestos no futuro.

A patente, que pode ser vista no site do U.S. Patent and Trademark Office e foi revelada pelo website Apple Insider, detalha o trabalho da Apple em uma tecnologia que permite que usuários interajam com computadores usando acenos – descrita na patente como “a não-touch, acenos de dedos ou outros objetos próximos a uma tela sensível ao toque, mas fora do campo de capacidades de detecção de sensores sensíveis ao toque.”

LEIA TAMBÉM: Apple não é mais a empresa mais valiosa do mundo

Isto combina com o multi-touch para produzir vários resultados em potencial, incluindo o uso de gestos para desligar uma tela de exibição ou um dispositivo, sair de aplicativos e trocar o brilho da tela. A Apple também descreve que certos acenos sobre a superfície podem destacar um botão da tela, o que significa que ele será acionado se o usuário apontar para baixo, similar a um mouse.

A Apple poderia alcançar isso com um ou mais sensores de proximidade compostos de LEDs infravermelhos e fotodiodos – dispositivos que funcionam com base na quantidade de luz que recebem. Então, ao passar mãos, dedos ou objetos sobre as luzes infravermelhas, múltiplos sensores podem detectar sua presença e reconhecer os gestos que você faz com base nas mudanças de luz.

FOTOS: As melhores fotos tiradas com o iPhone 6s segundo a Apple

Ainda que a Apple não especifique em que tipo de dispositivo esta tecnologia poderia ser utilizada, a imagem abaixo foi anexada à patente e descreve o uso em um laptop com um touchpad padrão.

Reprodução

Reprodução

É apenas uma patente, então há chances de não vermos esta tecnologia – mas há também a possibilidade dela ser incorporada em telas de computadores e até em mouses.

Comentários
Topo