Negócios

Facebook anuncia novidades para valorizar e-commerce na rede social

Reprodução/Facebook

Reprodução/Facebook

O Facebook começou hoje (12), em São Francisco, a F8, sua conferência anual de desenvolvedores e já lançou uma grande novidade: chats exclusivos para empresas no aplicativo Messenger.

Muitas empresas já estão na rede social com suas próprias páginas e perfis, mas raramente têm acesso ao Messenger, um espaço ainda salvo das propagandas. Agora, no entanto, as companhias poderão ter acesso ao aplicativo de mensagens com as próprias páginas.

VEJA MAIS: Facebook e Microsoft vão pagar o mesmo para homens e mulheres

É o caso da CNN, exemplo utilizado por Zuckerberg na demonstração da novidade. O canal de notícias norte-americano será administrado por funcionários e inteligência artificial para responder perguntas dos telespectadores do canal.

Revolucionando o e-commerce, a empresa de entrega de flores 1-800 Flowers também ganhou um espaço no aplicativo. Zuckerberg utilizou a página da companhia no Messenger para mandar um buquê de rosas brancas para o presidente do aplicativo, David Marcus.

Alguns programadores contaram que uma nova API irá juntar as duas plataformas, que dará acesso aos 900 milhões de usuários. “As companhias terão limites e mecanismos de aprovação”, disse um dos programadores.

RANKING: 20 maiores bilionários de tecnologia

O perfil das empresas no Messenger poderá ser personalizado, com botões e funções diferentes das dos perfis de usuários normais. Beerud Sheth, fundador da Gupshup, uma startup de conteúdo para redes sociais, diz estar ansioso para conseguir um espaço no aplicativo. “Pense que será uma mini-versão da página no Facebook”, afirmou.

A expectativa é que o aplicativo ofereça repostas prontas ou sugeridas para determinados tipos de pergunta, e que um padrão seja criado depois de um tempo de uso pela companhia.

A Uber e a KLM, companhia aérea holandesa, já têm seus próprios perfis no Messenger há alguns meses, onde é possível reservar carros e checar informações de voos, respectivamente.

E AINDA: 6 maneiras de viver como Mark Zuckerberg

Para ganhar dinheiro com o negócio, o Facebook irá disponibilizar um botão que encaminha o usuário da rede diretamente para um chat com uma das companhias pagantes pelo serviço. Para quem não quiser ver as propagandas dessas empresas, um botão de bloquear estará disponível.

Uma outra novidade já havia sido anunciada na última semana pelo presidente do Messenger, David Marcus: o Messenger Codes, uma série de pontos e traços que circulam a foto do usuário no aplicativo e permitem que contatos sejam adicionados instantaneamente pelo celular. Como a grande maioria dos usuários usa o Facebook e o Messenger como uma rede pessoal, essa ferramenta provavelmente será voltada para os negócios.

No evento, o CEO do Facebook também anunciou um o lançamento de uma nova API do Facebook Live, o serviço de streaming de vídeo ao vivo da rede social. A novidade permitirá que usuários integrem a qualquer device a função de transmissão de vídeo ao vivo. Na conferência, Zuckerberg fez uma demonstração com um drone da companhia DJI, transmitindo o evento ao vivo para a rede social.

Comentários
Topo