Negócios

Por que Zuckerberg pode virar candidato a presidente

Getty Images

Getty Images

Mark Zuckerberg, cofundador e CEO do Facebook, é a sexta pessoa mais rica do mundo e líder de um império nas redes sociais. Esta semana, no entanto, a companhia deu uma dica de que o bilionário de 31 anos talvez esteja aspirando outras posições.

O Facebook propôs mudanças nas estruturas de ações, criando uma nova categoria de compradores sem participação na companhia. A nova categoria tem como objetivo proteger a posição de Zuckerberg dentro do Facebook, já que sua parte, a majoritária da companhia, poderia entrar em conflito em caso de falecimento ou saída da empresa.

VEJA MAIS: 20 CEOs mais poderosos abaixo dos 40 anos

Isso abre a possibilidade para que o fundador da rede social possa seguir os passos de outros bilionários e investir numa carreira política, por exemplo. Michael Bloomberg, por exemplo, fundador da Bloomberg LP, deixou sua companhia em 2001 para ser prefeito de Nova York por doze anos. Em 2014, ele retornou à empresa como CEO. Há rumores, ainda, que ele concorra à presidência.

E AINDA: 70 maiores bilionários do mundo em 2016

Zuckerberg ainda não atingiu os 35 anos, idade mínima para se candidatar à presidência dos Estados Unidos. Ele poderia, no entanto, se candidatar ao Senado norte-americano.

O Facebook se recusou a comentar sobre a possibilidade, mas é certo que o CEO da companhia tem grandes ambições. No final do ano, por exemplo, ele lançará a instituição filantrópica Chan Zuckerberg.

Comentários
Topo